Skip to content

OAB/AL consegue transferência de Mary Any para Corpo de Bombeiros

  • Home
  • Policial
  • OAB/AL consegue transferência de Mary Any para Corpo de Bombeiros

Blog

OAB/AL consegue transferência de Mary Any para Corpo de Bombeiros

Nos próximos dias, a advogada Mary Any Vieira Alves, que está no presídio feminino Santa Luzia, será transferida para o quartel-geral do Corpo de Bombeiros, no Trapiche, onde ficará numa Sala de Estado Maior.

A determinação é do juiz substituto da 16ª Vara Criminal de Maceió, de Execuções Penais, Ricardo Jorge Cavalcante Lima.

Em setembro do ano passado, Mary Any foi presa por determinação dos juízes da 17ª Vara Criminal da Capital, durante a operação ‘Coroa’, da Polícia Federal. Mary Any é acusada de associação ao tráfico de drogas, violação do segredo profissional, corrupção ativa e violação do segredo de justiça.

A advogada recebeu a notícia da autorização da transferência na manhã de hoje pelos membros da Comissão de Defesa e Prerrogativas dos Advogados da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Alagoas, Marcelo Vieira e Adraildo Calado, que estiveram, pessoalmente, na unidade prisional.

Mary Any também foi informada por Marcelo Vieira que o tempo de suspensão do registro profissional encerrou e agora ela não está mais impedida de atuar como advogada. “Mary Any não está mais suspensa. Ela já está no pleno exercício da advocacia”, informou Marcelo Vieira.

Desde o início da prisão da advogada, o presidente da OAB/AL, Omar Coêlho de Mello, e os membros da Comissão de Defesa e Prerrogativas do Advogado acompanham o caso.

Os representantes da OAB/AL já estiveram visitando as acomodações do presídio feminino Santa Luzia, onde Mary Any foi colocada. Na ocasião, durante a visita na unidade prisional, foi constatado que a cela na qual a advogada estava recolhida não seguia os padrões exigidos por lei e reconhecidos pelo Supremo Tribunal Federal.

“OAB sempre esteve acompanhando o caso para garantir que as prerrogativas as quais ela [Mary Any] tem direito fossem asseguradas”, disse Marcelo Vieria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também