Skip to content

Janeiro Roxo: SEMS realiza capacitação sobre hanseníase com profissionais da saúde

  • Home
  • Penedo
  • Janeiro Roxo: SEMS realiza capacitação sobre hanseníase com profissionais da saúde

Blog

Janeiro Roxo: SEMS realiza capacitação sobre hanseníase com profissionais da saúde

A Secretaria de Saúde de Penedo realiza uma série de capacitações para os Agentes Comunitários de Saúde (ACS), enfermeiros e médico sobre a hanseníase. Nesta quinta-feira, 18, a SEMS promoveu mais uma qualificação para os servidores.

As capacitações incluídas na programação do Janeiro Roxo aconteceram de forma simultânea, no auditório do Sindspem e do Centro de Saúde III, onde os profissionais dos postos de saúde puderam conhecer melhor os sintomas da doença para poder ajudar a identificar as pessoas que podem estar com hanseníase.

“Nós, agentes de saúde, temos que estar em alerta sempre porque Penedo sempre teve casos de hanseníase e temos que aprender a identificar os sinais. A palestra foi muito proveitosa. Aprendi hoje aqui que temos que acompanhar os pacientes durante cinco anos e sei que, assim como eu, vários colegas também não sabiam dessa informação. Aprendemos muito hoje para ajudar ainda mais nossa população”, disse a Agente Comunitária de Saúde, Rosemeire Sousa do Nascimento.

O coordenador Nacional do Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase (Morhan), Faustino Pinto, foi convidado para ministrar palestras e tirar todas as dúvidas dos ACSs. Já a enfermeira e Doutora em Ciências, Clodis Maria Tavares, palestrou para enfermeiros e médicos.

“O agente de saúde é muito importante para busca ativa das pessoas com hanseníase porque ele está lá, em contato com as pessoas. Com certeza, depois de hoje, todos irão ficar mais atentos aos sintomas e vão contribuir para o controle e eliminação da doença”, declarou Faustino.

Para a enfermeira Bruna Luíza Delgado Marques Rodrigues, o evento foi de extrema importância para os profissionais da saúde da Atenção Primária.

“Contamos com enfermeiros, médicos e agentes comunitários de saúde para que tivéssemos um momento de atualização sobre um assunto tão importante e como podemos diagnosticar, tratar, encaminhar e orientar esse paciente que tem hanseníase. Esses momentos que nos são proporcionados são muito valiosos para nossa formação, havendo sempre atualização dos nossos conhecimentos”, falou ela.

A hanseníase é uma doença infecciosa que afeta a pele e os nervos. Com o tratamento adequado, a doença tem cura. A transmissão se dá pelo contato próximo e prolongado com pessoas infectadas. A partir do início do tratamento, a doença deixa de ser transmissível.

“O evento realizado pela Doutora Clodis Maria Tavares e promovido pela Secretaria de Saúde de Penedo é de grande importância na ampliação dos conhecimentos que possuímos quanto a hanseníase. Ela nos concedeu relatos da vivência e experiência da mesma na área, além de uma excelente base teórica disponibilizada nas referências utilizadas”, declarou o médico Marcelo Martins Ferreira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também