Skip to content

Hospital Metropolitano de Alagoas é referência no tratamento de doença rara e autoimune

  • Home
  • Maceió
  • Hospital Metropolitano de Alagoas é referência no tratamento de doença rara e autoimune

Blog

Hospital Metropolitano de Alagoas é referência no tratamento de doença rara e autoimune

O Hospital Metropolitano de Alagoas (HMA), em Maceió, é o único hospital estadual referência no tratamento de pacientes com a neuromielite óptica, doença autoimune inflamatória do sistema nervoso central. A assistência prestada pela unidade hospitalar, que é vinculada à Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), ocorre tanto na fase de internação como na pós-alta.

A neurologista Samyra Vital, supervisora da área no HMA e responsável pelo Ambulatório de Doenças Desmielinizantes, onde os pacientes fazem o tratamento pós-alta, explicou que o ambulatório é o único no Sistema Único de Saúde (SUS) em Alagoas preparado para receber os doentes com neuromielite.

“É importante falar sobre a doença porque ela é pouco conhecida e traz sequelas graves para o paciente. A principal forma de diagnosticá-la é conhecer seus sintomas para reconhecer e realizar os exames adequados. Os que mais utilizamos são a ressonância magnética, o exame do líquor e a dosagem do anticorpo”, explicou a especialista.

Segundo a neurologista, a neuromielite óptica é uma doença neurológica autoimune, que compromete, no geral, mulheres negras e jovens. Pode comprometer o nervo óptico, a medula e o cérebro, este último, em menor proporção nos casos.

“A paciente pode apresentar alterações visuais e até cegueira nos dois olhos. E, em relação à medula, alteração de força, dormência, formigamentos e até dificuldades ao caminhar, além de alterações no controle de urinas e fezes”, especificou a médica.

O tratamento é feito em duas fases e consiste, segundo Samyra Vital, na aplicação de corticoides em alta dose na fase do surto, ou mesmo através da realização da plasmaferese, procedimento que faz uma filtração do sangue do doente. “No pós-alta, esse paciente é acompanhado em ambulatório para tomar medicações que modulam o sistema imune e evitem que ele tenha novos surtos”, especificou.

A neuromielite óptica também é chamada de doença de Devic, e, durante muito tempo foi identificada como um tipo de esclerose múltipla. É uma doença com grande potencial incapacitante se não identificada e tratada precocemente.

Conscientização

Celebrado em 27 de março, o Dia da Conscientização da Neuromielite Óptica está em consonância com o dia adotado em outros países, onde a cor verde tem sido usada para sinalizar a luta em prol das pessoas com a doença, o Março Verde. A celebração da data contribui para que os profissionais e instituições de saúde de todo o país tenham condições de identificar com maior celeridade e eficiência as ocorrências da doença, possibilitando o tratamento adequado e precoce.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também