Skip to content

Governo de Alagoas consegue cerca de R$ 9 milhões para levar água à zona rural

  • Home
  • Alagoas
  • Governo de Alagoas consegue cerca de R$ 9 milhões para levar água à zona rural

Blog

Governo de Alagoas consegue cerca de R$ 9 milhões para levar água à zona rural

O Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional (MIDR) anunciou a liberação de cerca de R$ 9 milhões para o abastecimento de famílias que vivem na zona rural de Alagoas. O anúncio foi feito durante reunião com as presenças do ministro Waldez Góes, do governador em exercício, Ronaldo Lessa, do secretário de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Gino César, e do deputado federal Paulão, na sede do ministério, em Brasília.

Durante o encontro, foram discutidas demandas para o estado de Alagoas, com foco principal em investimentos em infraestrutura hídrica. Entre as principais solicitações apresentadas estavam a liberação de recursos para a implantação de sistemas de abastecimento de água e a construção de barreiros em várias cidades do estado.

Atendendo a solicitação da comitiva alagoana, Waldez Góes definiu a liberação imediata de R$ 1,9 milhão para a implementação de nove Sistemas de Abastecimento de Água e R$ 1,3 milhão para a construção de 19 barreiros. Além disso, foi garantido o repasse do saldo da aplicação de aproximadamente R$ 4 milhões, totalizando um investimento significativo de quase R$ 7 milhões para atender às demandas emergenciais.

Além das demandas imediatas, também foi discutida a questão dos dessalinizadores do Programa Água Doce, cujo contrato foi cancelado devido a problemas na atualização dos custos pela empresa contratada. Como solução, o Ministério se comprometeu a repassar R$ 1,5 milhão diretamente ao Estado.

Na oportunidade, o secretário Gino César aproveitou para solicitar mais 30 sistemas de dessalinização em diversos municípios, com valor aproximado de R$15 milhões, beneficiando assentamentos da reforma agrária, comunidades indígenas e remanescentes de quilombolas. O ministro se comprometeu a avaliar a demanda.

Segundo Gino César, esses investimentos visam não apenas garantir o acesso à água potável, mas também têm o potencial de impulsionar o desenvolvimento econômico e social de Alagoas, promovendo a segurança hídrica e melhorando a qualidade de vida de milhares de pessoas em todo o estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também