Skip to content

Funcionários dos Correios cruzam os braços e serviços são suspensos

  • Home
  • Brasil/Mundo
  • Funcionários dos Correios cruzam os braços e serviços são suspensos

Blog

Funcionários dos Correios cruzam os braços e serviços são suspensos

Funcionários dos Correios cruzaram os braços nesta terça-feira (1º). Segundo Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresa de Correios e Telégrafos e Similares (Fentect), a paralisação é por tempo indeterminado e já atinge 21 estados e Distrito Federal.

A empresa diz que empregados de pelo menos 15 estados e do Distrito Federal estão parados. São eles: Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro e partes de São Paulo e do Rio Grande do Sul.

Além desses estados, a federação diz que a paralisação também atinge os seguintes estados: Acre, Amapá, Amazonas, Rondônia, Rio Grande do Norte e Sergipe.

Por prevenção, os serviços de Sedex 10, Sedex Hoje e Disque Coleta, de entrega com hora marcada, foram suspensos.

José Gonçalves de Almeida, integrante da comissão de negociação da Fentect, disse ao G1 que os funcionários pedem o cumprimento de um acordo firmado em novembro do ano passado, que prevê o pagamento de adicional de periculosidade, além da revisão do plano de carreira e do pagamento da participação dos lucros e resultados. “Os sindicatos não participaram da negociação do plano de carreiras e do pagamento da participação nos lucros”, afirmou.

De acordo com ele, o setor mais atingido pela greve deverá ser a distribuição. A federação espera adesão de 80% dos carteiros, dos atendentes das agências e dos funcionários da triagem.

Os Correios informam que os funcionários participam da negociação tanto do plano de carreira quanto do pagamento da participação nos lucros. Além disso, a empresa afirma que está pagando adicional para carteiros e para quem trabalha em agências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também