Skip to content

Festival de Música de Penedo encerra programação da Europa

  • Home
  • Cultura
  • Festival de Música de Penedo encerra programação da Europa

Blog

Festival de Música de Penedo encerra programação da Europa

Está chegando ao fim a edição 2024 do Festival de Música de Penedo na Europa. Nesta sexta e sábado, dias 12 e 13 de abril, a programação será em Vouzela-Portugal com atividades pedagógicas e científicas e concertos no Museu Municipal. Tudo gratuito!

A programação desta sexta-feira (12), em Vouzela, começa com oficinas pedagógicas, unindo músicos brasileiros e portugueses. À noite, o Teatro Municipal será palco dos concertos Guitarra  Brasileira, com o alagoano Wilbert Fialho, e Jan session semi acústico, com o também alagoano Ricardo Lopes.

As atividades em Vouzela estão sendo coordenadas pelo maestro Pedro Serrano, já veterano do Festival na Europa. “Serrano é um grande parceiro do Femupe e um entusiasta do trabalho que realizamos na Ufal com o nosso festival. Só tenho a agradecer ao maestro Pedro e a toda equipe do município por essa parceria”, afirmou Marcos Moreira, coordenador-geral do evento no Brasil.

No sábado (13), último dia do Festival na Europa, haverá debate aberto, com moderação do professor Carlos Rodrigues, com o tema Crescer nas associações culturais de Portugal e do Brasil. Em seguida, haverá os concertos do Grupo Orfeão CSenior, do município serrano Castro Daire-Portugal, e com o Grupo Tradições, de Vouzela.

A última atração do festival será no Teatro Municipal de Vouzela: o recital de piano, com Paulo Oliveira, de Portugal e participação especial de Antonio José, no violoncelo.

Para Marcos Moreira, professor do curso de licenciatura em Música da Ufal e também vice-diretor do Instituto de Ciências Humanas Comunicação e Artes, esta edição está sendo muito proveitosa, com novas parcerias para elevar, ainda mais, o nome da nossa Universidade e todo trabalho que fazemos com o Festival. Foi muito difícil chegarmos à Europa este ano, foi um sacrifício e um investimento pessoal de cada um que cruzou o Atlântico, mas valeu e ainda está valendo muito a pena. Vamos voltar para o Brasil como muitos projetos para tocar. Viva a música! Viva a união de brasileiros, portugueses e franceses!”, celebrou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também