Skip to content

Educação publica edital de credenciamento de agricultores familiares

  • Home
  • Maceió
  • Educação publica edital de credenciamento de agricultores familiares

Blog

Educação publica edital de credenciamento de agricultores familiares

                                                Alimentos serão usados na preparação da merenda escolar. Foto: Ascom Semed

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) divulgou, no Diário Oficial do Município desta segunda-feira (15), o edital de credenciamento para os interessados em fornecer gêneros alimentícios da agricultura familiar à rede pública de ensino.

A primeira sessão pública, onde será realizada a abertura dos envelopes, acontece no dia 7 de maio de 2024, às 9h30, na sala da Coordenação Técnica de Nutrição e Segurança Alimentar, situada na sede da Semed, na Rua General Hermes, 1199, na Cambona.

Já a segunda sessão pública será realizada no dia 10 de maio, às 9h30, também na sede da Secretaria de Educação, para divulgar os resultados.

Os interessados podem tirar dúvidas na Coordenação Técnica de Nutrição e Segurança Alimentar, ou pelo e–mail: chamadapublica@semed.maceio.al.gov.br, no horário das 8h às 14h.

Ana Denise Gouvêa, coordenadora Técnica de Nutrição e Segurança Alimentar e Responsável Técnica pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) na Semed, explicou que a inclusão da agricultura familiar no cardápio dos alunos tem o objetivo de fornecer alimentos nutritivos e seguros, cultivados sem o uso de agrotóxicos.

“Esse cuidado garante a preservação das qualidades nutricionais dos alimentos, beneficiando diretamente a saúde dos estudantes, pois eles consomem produtos frescos, colhidos pouco tempo antes do consumo. Além disso, ao priorizar a agricultura local, apoiamos os produtores rurais do nosso estado, fortalecendo a economia local”, afirmou.

Ana Denise reforçou, ainda, que a abordagem não apenas melhora a qualidade da alimentação nas escolas, mas também promove um ciclo sustentável de produção e consumo, conectando os alunos com a origem de seus alimentos e incentivando práticas agrícolas responsáveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também