Skip to content

Detran desconta dias parados no salário de grevistas

  • Home
  • Alagoas
  • Detran desconta dias parados no salário de grevistas

Blog

Detran desconta dias parados no salário de grevistas

O diretor-presidente do Departamento Estadual de Trânsito de Alagoas (Detran-AL), Antonio Sapucaia, convocou a imprensa na manhã desta quinta-feira, 20, para comunicar que as faltas de todos os servidores que aderiram ao movimento grevista serão descontadas na folha de pagamento referente ao mês de agosto, cujo fechamento é hoje.

Durante a entrevista coletiva, Antonio Sapucaia disse que a partir da próxima segunda-feira, dia 24, irá abrir processo administrativo disciplinar por abandono de emprego contra os servidores que não retornarem às atividades. “Quero deixar bem claro que isso não é uma ameaça, e sim minha obrigação apurar eventuais ilícitos, tais como abandono de cargo”, disse. “Nesse primeiro momento não estou tão preocupado com quanto o Detran está deixando de arrecadar, mas com os transtornos causados aos usuários, que são os mais prejudicados com a greve”, afirma.

Sapucaia afirmou que muitas pessoas, na maioria pobres, estão ameaçadas de perder o emprego porque não conseguem renovar a CNH devido à greve. O diretor-presidente do Detran fez questão de lembrar que todos os servidores foram previamente comunicados, antes da greve, sobre o desconto dos dias parados e que estavam conscientes das consequências da adesão à paralisação. “A Correição já está de posse das informações e as medidas serão tomadas com base nos termos de comunicação de freqüência dos Coordenadores e Gerentes das unidades operacionais”. Sapucaia reiterou que as medidas anunciadas têm o objetivo de preservar a continuidade dos serviços essenciais à segurança do trânsito e ao Decreto Governamental nº. 1.807/09. “Todos têm conhecimento de que só não foi possível o governo do Estado atender às reivindicações salariais porque as despesas com pessoal chegaram ao limite permitido pela Lei de Responsabilidade Fiscal”, disse ele. “Mas é meu dever institucional zelar pela preservação do interesse público e na execução de tarefas impostas pelo Sistema Nacional de Trânsito”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também