Skip to content

Deputado pode entrar com ação civil pública contra greve no Detran

  • Home
  • Alagoas
  • Deputado pode entrar com ação civil pública contra greve no Detran

Blog

Deputado pode entrar com ação civil pública contra greve no Detran

O deputado Isnaldo Bulhões Filho (PMN) disse, durante a sessão ordinária desta terça-feira, 18, que ingressará com uma ação civil pública caso a situação do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) não seja solucionada. As atividades do órgão estão paralisadas desde o dia 3 agosto, quando os servidores entraram em greve reivindicando reajuste salarial e melhores condições de trabalho. O parlamentar considera um caos a situação no Detran e mostrou-se preocupado, especialmente com os profissionais que dependem da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) para sobreviver. “É pública a confusão gerada entre os servidores e o diretor-presidente do Detran, Antonio Sapucaia”, declarou Bulhões.

O deputado considerou como “sarcástica e irônica” a entrevista do diretor do Detran, concedida a uma rádio local no último sábado. “O radialista indagou como fica a situação de quem está com a habilitação vencida. A meu ver, de forma sarcástica e irônica, Antonio Sapucaia respondeu: ‘A minha (habilitação) está para vencer. Estou querendo que ela vença e que um policial me pare e apreenda a carteira, para eu entrar com uma ação contra o sindicato, que é rico”, contou Isnaldo Bulhões, demonstrando preocupação com a declaração de Sapucaia.

O deputado disse esperar que o governo do Estado, servidores e Diretoria do Detran encontrem uma solução para o problema. “Caso contrário, já acionei minha assessoria jurídica e ingressarei com uma ação pública pedindo a obrigatoriedade do serviço para aqueles que realmente necessitam do documento para trabalhar”, assegurou o parlamentar.

Requerimento – Isnaldo Bulhões retirou o requerimento que pedia tramitação em regime de urgência para o projeto de lei que trata do reajuste de 10%, em duas parcelas, para os servidores do Tribunal de Justiça do Estado. O parlamentar adiantou que pretende discutir com mais profundidade a proposta de reajuste, inclusive com a convocação de membros da área econômica do governo estadual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também