Skip to content

Com marco de 70 mil plantas catalogadas, IMA celebra o Dia do Botânico com programação especial

  • Home
  • Meio Ambiente
  • Com marco de 70 mil plantas catalogadas, IMA celebra o Dia do Botânico com programação especial

Blog

Com marco de 70 mil plantas catalogadas, IMA celebra o Dia do Botânico com programação especial

O Herbário MAC (Maceió) do Instituto do Meio Ambiente do Estado de Alagoas (IMA) comemora o Dia do Botânico com o marco de 70 mil plantas catalogadas. A data, celebrada em 17 de abril, contará com uma programação especial, incluindo a cerimônia de registro da planta de número 70 mil, roda de conversa e uma exposição de obras antigas da biblioteca do Herbário. O evento ocorrerá no auditório do IMA, a partir das 9h (confira a programação abaixo).

A comemoração do Dia do Botânico homenageia o botânico Alemão Carl Frederich Philipp Von Martius, pesquisador responsável pelo maior levantamento florístico do mundo, que resultou na obra Flora Brasiliensis. Um de seus exemplares encontra-se na biblioteca permanente do Herbário MAC.

Planta 70 mil

A catalogação de 70 mil plantas representa uma conquista para o acervo botânico do IMA, demonstrando seu compromisso com a preservação e documentação da flora alagoana. A espécime Allamanda alagoana J.W.Alves-Silva & T.S.Coutinho simboliza esse marco, sendo designada como a planta de número 70 mil.

Rosângela Lemos, gerente do Herbário MAC, afirma que esta é uma realização, não só para o IMA, mas para o acervo botânico como coleção científica. “Esse marco firma tudo que a gente já conseguiu até o momento como museu e acervo, quanto ao levantamento da flora alagoana. O apoio do Governo do Estado durante todos esses anos tem sido de extrema importância, fazendo com que o Herbário sobreviva e tenha todo respaldo para o seu crescimento, até chegar no ápice hoje, com 70 mil mostras”, explica Rosângela.

A Allamanda alagoana J.W.Alves-Silva & T.S.Coutinho pertence à família Apocynaceae, amplamente conhecida e cultivada como ornamental. O primeiro registro de coleta da planta ocorreu em 2010. Com o avanço das pesquisas sobre o gênero e a realização de novas coletas, foi possível catalogá-la como uma nova espécime para a ciência, além de endêmica para o estado de Alagoas, no Nordeste do Brasil.

A catalogação e os estudos da espécime foram realizados por Jarina Alves, bióloga e consultora do Herbário MAC, em parceria com Thales Silva Coutinho, da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

Jarina explica que o título de endêmica da planta foi determinado após uma vasta pesquisa em acervos botânicos do país. “Algumas espécimes do gênero Allamanda também ocorrem em outros estados. A adaptação depende do bioma. Esta, por enquanto, não foi registrada em nenhum outro estado. Por isso, trata-se de uma espécie endêmica”, afirma a bióloga.

Evento

A inscrição para o evento pode ser feita por meio do link: https://docs.google.com/forms/d/1C-16C9Qj8NBfvzG-g3FkQUZai1CVmSE7KaP-HOpKoxk/viewform?edit_requested=true na página, devem ser informados nome, CPF e email do participante.

Veja a programação:

Abertura

Solenidade de abertura

Exibição de minidocumentário

Solenidade de registro da planta 70 mil

Roda de conversa

Mesa intitulada “Profissão botânico”

Palestrantes:

Iracilda Maria de Moura Lima, Doutora em em Ciências Biológicas (Entomologia);

Flávia de Barros Prado Moura, Doutora em Ecologia e Recursos Naturais;

Jorge Luiz Lopes da Silva, Doutor em Geociências (Paleontologia)

Ao final da roda de conversa haverá uma pausa para coffee break.

Serviço:

Exposição de ilustrações e mostra de obras antigas da biblioteca do Herbário MAC

O que: Evento em comemoração ao Dia do Botânico e registro da planta 70 mil

Quando: 17 de abril

Horário: 9h às 14h

Onde: Av. Fernandes Lima 679 – Shopping Cidade, 3º andar – Farol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também