Skip to content

CBF pagará premiação recorde para Seleção Pré-Olímpica por vaga nos Jogos de Paris

  • Home
  • Esporte
  • CBF pagará premiação recorde para Seleção Pré-Olímpica por vaga nos Jogos de Paris

Blog

CBF pagará premiação recorde para Seleção Pré-Olímpica por vaga nos Jogos de Paris

A CBF vai pagar uma premiação recorde aos jogadores e integrantes da comissão técnica da Seleção Brasileira Pré-Olímpica em caso de classificação para os Jogos de Paris.

Antes do início do Pré-Olímpico, que foi aberto ontem, sábado (20) na Venezuela, o presidente da entidade, Ednaldo Rodrigues, informou que vai destinar cerca de R$ 10 milhões à delegação pela conquista de uma das vagas. Valorizando os atletas, a CBF vai pagar quase R$ 7 milhões pela classificação. O restante será destinado aos integrantes da comissão técnica.

Cada jogador terá direito a US$ 60 mil, o que equivale a quase R$ 300 mil, prêmio 35% superior ao recebido pelos atletas na edição passada, em 2020. Na época, cada jogador recebeu US$ 50 mil pela vaga olímpica, o que correspondeu a cerca de R$ 220 mil.

“Essa premiação recorde é fruto do planejamento que realizamos aqui no Departamento de Seleções em alinhamento com as diretrizes da gestão do presidente Ednaldo Rodrigues”, afirmou Claudia Faria, gerente-geral de Seleções.

Nesta semana, o presidente da CBF enviou uma carta a todos integrantes da delegação desejando sucesso no Torneio Pré-Olímpico.

A competição classifica apenas duas Seleções para a Olimpíada. Na próxima terça-feira (23), o Brasil estreia diante da Bolívia, às 17h (de Brasília), no Estádio Brígido Iriarte, em Caracas (VEN), palco dos quatro jogos da Amarelinha na primeira fase.

A Seleção Brasileira é a atual bicampeã e pode conquistar um feito histórico: tornar-se o único país a conquistar a medalha de ouro no futebol em três edições consecutivas.

O torneio é dividido em duas partes: primeira fase e quadrangular final, ambos em formato de pontos corridos. Por sorteio, os Grupos A e B são formados por cinco seleções em cada. O Brasil integra o Grupo A, ao lado de Venezuela, Bolívia Colômbia e Equador.

A equipe de Ramon Menezes deve estar nas duas primeiras colocações do Grupo A para avançar ao quadrangular final, onde se juntará às outras duas melhores equipes do Grupo B, composto por Argentina, Chile, Paraguai, Peru e Uruguai. Para carimbar o passaporte para Paris, o Brasil deve ser o campeão ou vice-campeão do Torneio Pré-Olímpico.

Depois da estreia na terça-feira, os jogos seguinte serão contra a Colômbia, às 20h (de Brasília) do dia 26, e contra o Equador, às 17h (de Brasília) do dia 29. O último adversário do Brasil na primeira fase será a Venezuela, no dia 1º de fevereiro, às 20h (de Brasília).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também