Skip to content

Ronaldo – O fenômeno

Blog

Ronaldo – O fenômeno

Personalizado com o adjetivo de Fenômeno desde a década de 90, devo confessar que após 20 anos de carreira, Ronaldo Nazário está de volta, mais que nunca tornando atualissima a referência de Fenômeno.

A princípio ganhou este apelido pelas qualidades técnicas apresentadas no início da sua carreira. Posteriormente consagrou-se por três vezes o melhor jogador do mundo chegando a conquistar também dois títulos mundiais pela seleção brasileira de futebol. Na Copa de 2006 alcançou a marca de maior goleador da história de todas as copas, superando inclusive o nosso rei Pelé.

Hoje considero Ronaldo fenômenal não só pelas suas conquistas dentro de campo, mas principalmente pelas superações que ele demonstrou diante de duas seríssimas contusões em sua carreira, conseguidas através de muito esforço e dedicação típicas de pessoas vitóriosas.

Quando vemos jogadores como Adriano (Imperador) que está longe de ser um Ronaldo e muito menos fenômeno aprontar constantemente das suas, chegando ao ponto de abandonar temporáriamente o futebol, é que entendo ser Ronaldo digno de todos os elogios. Não é fácil para ele Ronaldo, quase aos 33 anos, completamente realizado profissional e financeiramente, se dedicar de forma intensa e exemplar aos exercícios de fisioterapia, aos exercícios físicos, a dura rotina de treinamentos, concentrações, viajens e etc. Mesmo assim ele tem dado mostras do que é capaz e exemplo de atléta profissional, com isso valorizando o adjetivo de Fenômeno.

Vale-se destacar que na primeira contusão quando ainda defendia a Inter de Milão, todos elogiaram o excelente trabalho do fisioterapeuta Nilton Petroni, conhecido por Filé. Agora a pessoa que está acompanhando Ronado é o Dr. Joaquim Grava, médico ortopedista dos mais renomados do país e que têm desempenhado um papel importante na recuperação do jogador. Outras pessoas tambem participaram dos trabalhos na recuperação do atleta, mas sem sombra de dúvida, nada disso estaria acontecendo hoje se não fosse os esforços do guerreiro, do profissional, do dedicado, e principalmente do fenômenal Ronaldo Nazário. Que esse belo exemplo seja seguido por outros atletas e por outras pessoas no dia-a-dia de suas vidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também