Skip to content

Pesquisa da OMS revela crescente índice de suicídio no Brasil, preocupando todo sistema de saúde

  • Home
  • Blogs
  • Pesquisa da OMS revela crescente índice de suicídio no Brasil, preocupando todo sistema de saúde

Blog

Pesquisa da OMS revela crescente índice de suicídio no Brasil, preocupando todo sistema de saúde

A Organização Mundial de Saúde (OMS), descreve em nota oficial dados compilados que dão conta de 800 mil mortes no ano, tendo como causa principal o suicídio, este que tem elevado o número de mortes em todo mundo, sendo praticamente uma morte em cada 40 segundos. Junto a especialistas da área da saúde, quem faz um alerta expressivo sobre o assunto é a diretora do Departamento de Saúde Mental da OMS, a psicóloga argentina Dévora Kestel. “ Tanto para pessoa que perde a vida como para os amigos, familiares, colegas e comunidades que estão atrás e, frequentemente, não recebem a assistência que necessitam. A juventude representa o futuro, o suicídio é a segunda causa de mortalidade entre as pessoas de 15 a 29 anos”, afirmou a psicologa.

Esses dados informados são especialmente preocupantes para Améroca Latina, visto que os índices no mundo cairam no intervalo de 2000 a 2019, no mesmo periodo, as taxas de suicídio subiram 17%, no Brasil, a proporção é ainda maior, eram 0,31 casos a cada 100 mil habitantes em 2010, já no processo da pandemia de 2019 a 2020, este número saltou para 0,67 casos a cada 100 mil habitantes, conforme dados precisos do Ministério da Saúde. Assim como no restante do mundo, os casos neste momento se concentram na faixa etária de 19 a 24, podendo haver casos que seguem em idades mais maduras. Logo especialistas relatam que o suicídio causa mais mortes que várias doenças, tal como a AIDS e câncer de ama. “ Você tem uma espécie de cenário no mundo contemporâneo que tem tornado os jovens cada vez mais frágeis. E o aumento do suicidio seguramente tem a ver com essa vulnerabilidade maior”, enfatiza profissional.

O professor da UFMG e diretor do Departamento de Psiquiatria Infantil da Associação Brasileira de Psiquiatria, Antônio ALvim Soares defende que essa discução sobre suicídio seja mais ampla. Não sendo possível apontar motivos específicos, sendo este um fenômeno que tem múltiplas causas que levam a pessoa a tirar a própria vida. São questões de ordem biológica e social, sendo tudo um conjunto de fatores. “ É um tema de grande relevância, porque temos visto uma piora da saúde mental de crianças e adolescentes nos últimos anos. As estatisticas nos mostram um aumento nos casos de depressão, de tentativas de suicídio, comportamento agressivo, tudo isso aumetando com certa frequenência. É necessário haver uma discussão aprofundada, tem que conscientizar as pessoas, indicar os sinais de alerta, mas sobretudo mostrar os caminhos possíveis de tratamento!, afirma especialista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também