Skip to content

Futebol em Penedo: Quando voltaremos a revelar craques?

  • Home
  • Blogs
  • Futebol em Penedo: Quando voltaremos a revelar craques?

Blog

Futebol em Penedo: Quando voltaremos a revelar craques?

Nos últimos dias, o portal de notícias aquiacontece.com.br, através da sua editoria de esportes, tem noticiado diversas atividades desenvolvidas por profissionais/desportistas que por aqui passaram, ou foram revelados e ganharam o mundo, levando o nome do “Principado de Penedo”, além fronteiras.

Cito os exemplos de Marcelo Rocha, ex-Emirados Árabes Unidos, hoje no Vila Nova-GO, Deleu, na Polônia, Marinho, no Internacional-RS, Anílton Júnior, em Portugal e Dão, no Botafogo de Ribeirão Preto, dentre outros.

Diante desses exemplos, fica mais que caracterizado que quando o trabalho é realizado com competência, os frutos aparecem e os bons exemplos ficam para os nossos jovens, pois os mesmos se sentem motivados por esses ídolos, à seguirem na carreira e tentar melhorar suas respectivas qualidades de vida.

Infelizmente e para nossa tristeza, já faz um certo tempo que esse trabalho qualificado não vem acontecendo na nossa cidade. Porconseguinte, nenhum jovem futebolista teve a oportunidade de desenvolver e lapidar uma coisa de suma importância em qualquer profissão: TALENTO!!!

Não chegaremos à lugar algum, nos limitando a trabalhar apenas, com garotos nas mais diversas escolinhas de futebol da nossa cidade. Míster se faz que esse trabalho tenha prosseguimento nas categorias subsequentes, tipo juvenil e juniores. Caso contrário, o talento ficará sufocado, sem ter oportunidade de ser mostrado e consequentemente, lapidado.

Eu, particularmente, acompanho futebol desde o final da década de 60 e confesso que não conheço nenhum jogador que tenha saído, direto, da escolinha para um time profissional. Pode ser até que isso possa ser possível, mas se acontecer será uma exceção e não regra. Portanto senhores responsáveis pelo futebol de/em Penedo, mãos à obra. Ah! Ia me esquecendo e só para lembrar vocês: precisa ter competência para realizar esse trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também