Skip to content

Andanças Festivas

Blog

Andanças Festivas

Carlinhos da Coreia na liga da justiça

Quem comemorou nova idade na sexta-feira, 20, foi o líder comunitário Luiz Carlos, o conhecido Carlinhos da Coreia. Com festa regada a muita “água mineral” Carlinhos recebeu alguns convidados no Clube da Paisa, onde um cenário da liga da justiça foi montado no fundo do palco. Segundo a assistente social, Valquíria Melo o painel foi montado em homenagem a Carlinhos pelo fato de depois do carnaval ele ter ficado conhecido também como super homem. Adivinhem que é a mulher maravilha?

Roda, roda o copo na cabeça

E por falar em Valquíria Melo, conseguimos flagrar a amiga literalmente com o copo na cabeça. A animação estava grande e sem perceber que seria clicada, Valquíria continuou no ritmo e não perdeu o passo na onda do roda, roda o copo na cabeça. Uma coisa é certa, além de uma excelente assistente social a amiga também se mostrou uma grande equilibrista.

Dupla Dinâmica

Ainda lembrando a liga da justiça, uma dupla que faz a diferença em qualquer festa são os músicos Luciano e Adelson. Sem querer imitar a dupla dinâmica Batman e Robin, mas também fazendo muito sucesso nos locais que tocam e cantam, os amigos seguem se consolidando no cenário musical alagoano. Luciano por muito tempo acompanhou a Banda Valneijós e Adelson já emocionou grandes públicos na Cores do Mar.

Prêmio Mérito Varejista 2011

O Clube dos 30 sediou no sábado, 22, uma noite de brilho e muita animação quando o Sindicato do Comércio Varejista de Penedo (Sindilojas) e o Serviço Social do Comércio (SESC) realizaram mais uma edição do prêmio Mérito Varejista. Atendendo a presidenta do Sindilojas, Ana Luiza, o Sesc rendeu justa homenagem ao empresário penedense Laerte Barros Simôes, que teve seu nome dado ao troféu “Mérito Varejista” na edição 2011.

Presidente prestigiado

Conversando com o presidente da Associação de Moradores do Bairro Nossa Senhora de Fátima, Marcelo Brandão, o líder relatou que vem sofrendo perseguição por parte da administração municipal em Penedo. A alegação do presidente foi justificada devido a ter seu pedido para realizar a festa de Nossa Senhora de Fátima negado pelo prefeito Israel Saldanha. Com a solicitação negada, Marcelo realizou festa no segundo final de semana e a prefeitura no terceiro. Ele foi pedir para realizar o evento em seu bairro e terminou tendo duas semanas de festa. Conclusão: Pedir uma festa e o bairro ganhar duas será que pode ser considerado excesso de prestígio?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também