Skip to content

Assim caminha a humanidade…

Blog

Assim caminha a humanidade…

Diante dos fatos ocorridos atualmente em nossa sociedade, analiso e percebo o quanto a humanidade está se desenvolvendo. As grandes descobertas marítimas, as grandes invenções, os geniais pensadores iluministas; meus caros isso é coisa do passado. Estamos vivendo a época das grandes reuniões. Reuniões estas realizadas em todos os setores e instituições da nossa sociedade.

É notório e do conhecimento de todos – ou pelo menos deveria ser – que as instituições de nosso país estão diariamente sentadas, concentradas em busca de soluções para os nossos problemas. Para aqueles que já acompanharam algumas destas reuniões é possível observar um grande decoro entre os participantes, falas que prestigiam e enaltecem o ego do elogiado. Notamos também uma série de “problemas burocráticos” que atrapalham o andar das reuniões. Porém, ao final das esplendorosas reuniões poucas coisas são colocadas em prática.

Em diversas gestões e administrações públicas, as reuniões fazem parte do cotidiano dos representantes do povo. Todavia, apenas a parte irrisória das discussões é posta em prática. Para a burguesia, é muito fácil discutir sentada em seus confortáveis e agradáveis gabinetes os problemas de toda uma sociedade carente. Porém, para a plebe isso não é tão fácil e confortável, afinal, só esta sabe o que é conviver com uma série de perigos e carências.

A população atual está cansada de discursos bonitos e de promessas falsas. Um exemplo? Vejamos: a atual situação de combate ao tráfico de drogas no estado do Rio de Janeiro. A população – digo isso com toda certeza – está muito mais satisfeita com a atitude tomada por parte do Estado. Talvez se as reuniões não saíssem do papel para a prática a população não tivesse mais esperança em um futuro melhor. Alguns pessimistas podem dizer que toda essa movimentação se dá devido a Copa de 2014 e aos Jogos Olímpicos, ambos serão realizados no Brasil – que seja. Algo foi feito em prol de toda uma sociedade.

Talvez, escrevendo este artigo, eu esteja parecendo contra toda e qualquer reunião, ou até mesmo um tanto desorganizado. Mas tenho convicção de que antes de uma boa ação prática se faz necessário um planejamento e certa organização. Não concordo em sucessivas reuniões que acabam no engavetamento e não execução de boas ações.

Nossas entidades precisam de mais agilidade para por suas “obras” em prática, afinal, toda uma sociedade espera por soluções destas que, pelo menos em tese, deveriam nos ajudar a construir uma nação mais forte e justa. Nosso povo precisa de alimento na mesa hoje, agora; nossas crianças precisam de escola e saúde urgentemente; nossos operários precisam de melhores condições de trabalho; nossos jovens de oportunidades e perspectivas de um futuro melhor; e NÓS, povo brasileiro, precisamos de menos reuniões e mais ações práticas, ou continuaremos a caminhar com passos de formiga e uma vontade quase inexistente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também