Skip to content

Agenda cheia: governador Paulo Dantas anuncia uma série de obras para 2024

  • Home
  • Alagoas
  • Agenda cheia: governador Paulo Dantas anuncia uma série de obras para 2024

Blog

Agenda cheia: governador Paulo Dantas anuncia uma série de obras para 2024

O governador Paulo Dantas é conhecido pelos secretários e assessores pela impressionante disposição de correr o estado entregando obras, assinando ordens de serviço e realizando inaugurações. Há dias em que ele amanhece no Litoral Norte, almoça no Sertão e fecha os trabalhos já à noite, em algum município do Agreste. Se neste ano foi assim, em 2024 a promessa é de dias ainda mais agitados. A lista de novas obras anunciadas por ele, em solenidade realizada recentemente no Palácio República dos Palmares, é extensa, e beneficia vários setores.

“De tudo que faço no governo, o que me dá mais alegria é entregar obras que mudam a vida das pessoas. É vê-las felizes, com um futuro se abrindo cheio de boas expectativas. Afinal, essa é uma missão nobre de todo governante”, costuma repetir Paulo nas solenidades que frequenta.

Na segurança pública, as novidades começam pela conclusão das sedes da Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Draco), antiga Deic, no Benedito Bentes, e do Batalhão de Operações Especiais (Bope), no Trapiche. “A Draco é um equipamento de R$ 20 milhões, extraordinário! Vai ter academia, heliponto e a Cisp [Central Integrada de Segurança Pública] tipo 3, que será entregue em breve”, anuncia. “No Trapiche vai ser o Bope, que é outro equipamento nos mesmos moldes, também no valor de R$ 20 milhões.

Mas não para aí. Paulo anunciou que já está com recursos em caixa para construir uma Cisp tipo 3 em União dos Palmares e outra em Santana do Ipanema, num investimento de, aproximadamente, R$ 25 milhões. Esse tipo de Cisp é considerado de grande porte e abriga Polícia Militar, Polícia Civil e o Corpo de Bombeiros. Elas são equipadas com uma estrutura moderna, que inclui salas de comando e controle, de inteligência, de armas e munições, além de dormitórios para os policiais.

O Estado também licitou a compra de um moderno helicóptero, com emenda do deputado federal Isnaldo Bulhões. “Acho que o helicóptero chega em abril. Vamos ter mais uma aeronave, muito moderna, que vai voar à noite, e isso vai dar uma dinâmica muito boa para a segurança pública”, afirmou.

Saúde

A saúde dos alagoanos também será atendida em 2024. No primeiro semestre, o município de Palmeira dos Índios vai ganhar uma unidade hospitalar do Estado, o Hospital Regional do Médio Sertão. O HRMS será referência para 158 mil habitantes dos municípios de Belém, Cacimbinhas, Estrela de Alagoas, Igaci, Maribondo, Minador do Negrão e Tanque D’Arca, além de Palmeira dos Índios. As obras de construção já foram retomadas.

Em Arapiraca, o Governo do Estado vai iniciar as obras do Hospital Metropolitano do Agreste, que contará com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do Governo Federal. A capital alagoana terá uma nova unidade, o Hospital do Idoso. Por fim, as cidades de Marechal Deodoro e Coruripe receberão até março uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Já a UPA de Rio Largo está prevista para ser entregue no segundo semestre.

Rodovias

Boas notícias também para quem precisa viajar pelas estradas alagoanas, a trabalho ou lazer. O governador Paulo Dantas anunciou que as obras de duplicação da rodovia AL-220, que liga Arapiraca a Delmiro Gouveia, seguirão em 2024. Até abril deverá ser entregue a segunda etapa da obra, entre Olho D’Água das Flores e Piranhas. Já a terceira e a quarta etapas, que estão com cerca de 50% das obras realizadas, deverão ser entregues em 2025, concluindo, assim, a duplicação da rodovia que liga o Agreste ao Sertão.

Paulo anunciou também que, até a metade de 2024, pretende concluir a duplicação da rodovia AL-110, entre Arapiraca e São Sebastião, e da AL-115, entre Arapiraca e Palmeira dos Índios. “Nós estamos falando aqui em obras estruturantes, extremamente importantes para o desenvolvimento do nosso estado”, afirmou.

O governador informou ainda que o ministro dos Transportes, Renan Filho, garantiu um convênio de R$ 100 milhões para recuperar quase 170 quilômetros de rodovias estaduais que foram prejudicadas com as interdições das BRs devido às chuvas deste ano.

“No município de São Miguel dos Campos, por exemplo, houve uma interdição, e as carretas e carros pesados começaram a utilizar as rodovias estaduais, que não suportam a quantidade de carga e não são dimensionadas para isso. Por isso agradeço demais ao ministro. O secretário Mozar [Amaral], de Transportes e Desenvolvimento está licitando esses recursos e nós vamos ter essas malhas viárias 100% novinhas com os recursos do Ministério dos Transportes”, comemorou.

Canal do Sertão

A melhoria na distribuição de água no Semiárido alagoano, beneficiando produtores e a população em geral, também está na agenda do Governo para 2024. Com o apoio da bancada federal alagoana, o presidente Lula incluiu a quinta etapa do Canal do Sertão nas obras do PAC. O investimento é superior a R$ 500 milhões, e só a obra vai gerar cerca de mil empregos diretos.

Com a conclusão da quinta etapa, o canal irá somar 150 quilômetros de extensão desde a captação, em Delmiro Gouveia. “Nós já temos quatro trechos prontos, até o quilômetro 123, que é lá no município São José da Tapera, e vamos seguir adiante, cortando Olho d’Água das Flores, Monteirópolis e Major Izidoro”, disse.

Aeroportos

O governador Paulo Dantas comemorou muito a inauguração do aeroporto Divaldo Suruagy, em Marechal Deodoro, fruto de uma Parceria Público-Privada (PPP) com a empresa Manal. O novo equipamento já está em funcionamento e, no próximo ano, passará a ter balizamento noturno para receber voos em qualquer horário. Com uma pista de pouso do tamanho da pista do aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, o Divaldo Suruagy poderá, em breve, receber aviões de grande porte, potencializando o turismo da região Sul.

No outro extremo, o litoral Norte também vai receber voos de visitantes que chegam para conhecer o “Caribe Brasileiro”. É que está prevista, para o primeiro semestre de 2004, a inauguração da primeira etapa do aeroporto de Maragogi, com estrutura suficiente para receber voos de grande porte das companhias aéreas brasileiras.

“No primeiro semestre de 2024 vamos inaugurar a primeira etapa do aeroporto de Maragogi e as duas últimas em 2025. Vai ser um dos equipamentos públicos mais importantes que nós vamos ter para a região Norte de nosso estado”, avalia.

Segundo o governador, a cobrança pelo novo aeroporto é grande, inclusive do estado de Pernambuco. “Onde eu encontro um político de Pernambuco, ele pergunta logo sobre o aeroporto”, revela Paulo Dantas, ressaltando que o equipamento de Maragogi é aguardado com muita expectativa pelos empresários da região sul do estado vizinho, que não irão depender mais do aeroporto internacional Gilberto Freyre, em Recife.

Alagoas-Sergipe

Ligação pelo ar, ligação por terra. O governo federal, por meio do Ministério dos Transportes, anunciou para 2024 o início das obras da tão sonhada ponte entre Penedo e Neópolis, em Sergipe. Com um investimento superior a R$ 200 milhões, a ponte terá 1.108 metros de extensão e 18 metros de largura, incluindo passagem para pedestres e ciclovia.

A licitação já foi aberta e será executada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). O prazo de conclusão é de 36 meses “Será a integração total do Baixo São Francisco, do sul do estado de Alagoas com o norte de Sergipe, integrando e conectando esses dois estados”, finalizou o governador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Lidas

Mais Comentadas

Veja Também