07 Abril 2021 - 18:36

Lacen registra mais de 108 mil amostras para Covid-19 no primeiro trimestre de 2021

O Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen) recebeu nos meses de janeiro, fevereiro e março, 108.112 amostras para diagnóstico da Covid-19. Deste total, 57.272 apresentaram resultado detectável. A análise processada na unidade utiliza exclusivamente, a técnica RT- PCR em tempo real, um teste de biologia molecular que identifica a carga genética do vírus nas amostras oriundas dos municípios sergipanos e unidades hospitalares.

Durante o último mês de março o laboratório de Biologia Molecular, recebeu uma média diária de 2 mil amostras para análises do coronavírus. No serviço, o material passa por diferentes estágios como, preparação, processamento e extração da carga viral das moléculas até chegar à etapa final do processo.

O superintendente do Lacen, Cliomar Alves, informou que no último final de semana a demanda reprimida de 3.550 amostras foi zerada. “Em função do aumento das testagens em Sergipe o volume de amostras que chega ao Lacen diariamente também aumentou. O trabalho das equipes está voltado para emissão em tempo hábil dos laudos de casos suspeitos da patologia”, confirmou o farmacêutico bioquímico.

Conforme o gestor, os resultados dos testes são liberados em uma média de dois dias, online, via o sistema de Gerenciamento de Ambiente Laboratorial (GAL) para as unidades solicitantes. Esse período pode sofrer alteração, quando há necessidade de repetição do exame. “Os profissionais que realizam o processamento das amostras trabalham em regime de plantão durante 24 horas”, informou o gestor Cliomar Alves.

por Agência Sergipe

AquiAcontece.com.br © 2016 - Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do AquiAcontece.com.br.