05 Outubro 2009 - 16:07

Professores participam de aula prática sobre meio ambiente

Contato com a natureza e conhecimento das espécies marinhas. Foram esses os objetivos que motivaram um grupo de professores da rede municipal que acompanhou a aula prática sobre meio ambiente, na praia de Pajuçara. Caminhando sobre os corais eles puderam esclarecer dúvidas e observar o comportamento dos seres que vivem naquele habitat.

A atividade foi desenvolvida pelo Centro de Referência em Educação Ambiental (Creamb) ao lado do Departamento de Educação Infantil. A diretora do setor, que integra a Diretoria Geral de Ensino da Secretaria Municipal de Educação (Semed) acompanhou o trabalho e garantiu sua continuidade. Por esta razão, sua diretora, Janiza Lima, incluiu o trabalho junto ao Creamb como parte da formação continuada em meio ambiente.

Segundo a coordenadora do Creamb, professora Virgínia Müller, a biodiversidade aquática vinha sendo tema das aulas teóricas. Durante o contato com os profissionais descobriu-se a dificuldade de alguns professores em abordar o conteúdo por desconhecimento da realidade.

"Diante dessa necessidade, nós incluímos essa aula na praia como forma de aproximá-los da realidade do bioma marinho. Com isso, acreditamos que terão melhores condições de repassar o que aprenderam, trazer os alunos para aulas no local e, principalmente, despertarem para a preservação", explicou Virgínia.

Empolgada com a participação do grupo, ela coletou corais, pequenos ouriços, caranguejos e esponjas. A curiosidade dos professores ajudou no esclarecimento sobre o papel de cada ser vivo no equilíbrio ecológico.

A professora da Escola Municipal Maria José Carrascosa, Rita de Cássia Cardoso, não perdeu a chance de aprender mais sobre as espécies. Ela atua com estudantes do 2º período e não descartou a possibilidade de trazê-los para uma aula na praia. "Isso é deslumbrante. Tem bichos que nem imaginava que existissem", admitiu.

O local escolhido para a aula ao ar livre fica próximo ao farol da Ponta Verde. Com a maré baixa foi possível percorrer parte dos arrecifes. A cada passo uma surpresa, que se revelava em formas de vida jamais vistas.

por Secom Maceió

Comentários comentar agora ❯