04 Maio 2021 - 05:00

Gás medicinal: navio da Marinha com 90 mil m³ de oxigênio chega a Belém (PA)

Marinha do Brasil
Cerca de 150 militares foram empregados nas atividades

O Navio de Apoio Oceânico (NApOc) Purus, da Marinha, chegou a Belém com tanque de 90 mil m³ de oxigênio líquido da empresa White Martins. O gás medicinal atenderá hospitais com pacientes de Covid-19 no Pará e no Amapá.

A operação de apoio logístico começou com o transporte do tanque vazio do porto de Vila do Conde, em Barcarena, no Pará, até o Porto de Pecém, no Ceará, a bordo do Navio-Patrulha Oceânico Araguari, em 22 de abril. No Ceará, o tanque foi abastecido com oxigênio líquido e retornou ao Pará no NApOc “Purus”, a fim de dar prosseguimento à distribuição para os locais necessitados. Cerca de 150 militares foram empregados nas atividades.

A Companhia Docas do Pará disponibilizou cais e guindastes da empresa Santos Brasil, responsável pelo terminal de Vila do Conde, e do Complexo Industrial e Portuário do Pecém, para apoiar a missão.

Coordenação
O Ministério da Defesa ativou, em 20 de março, o Centro de Operações Conjuntas, para atuar na coordenação e no planejamento do emprego das Forças Armadas no combate ao novo coronavírus. Nesse contexto, foram ativados 10 Comandos Conjuntos, que cobrem todo o território nacional, além do Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE), de funcionamento permanente. A iniciativa integra o esforço do Governo Federal no enfrentamento à crise sanitária.

As demandas recebidas pelo Ministério da Defesa, de apoio a órgãos estaduais, municipais e outros, são analisadas e direcionadas aos Comandos Conjuntos para avaliarem a possibilidade de atendimento. De acordo com a complexidade da solicitação, as demandas podem ser encaminhadas ao Gabinete de Crise, que determina a melhor forma de atendimento.

por Ministério da Defesa

Comentários comentar agora ❯