28 Agosto 2009 - 14:39

Alagoas registrou saldo positivo de 1.560 empregos em julho

A Secretaria de Estado do Trabalho, Emprego e Renda registrou um saldo positivo de 1.560 empregos formais, no mês de julho deste ano, em Alagoas. Segundo a Síntese do Comportamento do Mercado de Trabalho Formal, do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), esse número representa uma expansão de 0,62% em relação ao estoque de assalariados com carteira assinada no mês anterior.

O resultado decorreu do crescimento, principalmente nos setores da Indústria de Transformação (+520 postos), do Comércio (+487 postos) e da Construção Civil (+357 postos). Nos últimos 12 meses, em Alagoas, verificou-se um acréscimo de 1,30% no nível de empregos ou +3.237 postos de trabalho. O setor de Agropecuária ficou com a quarta colocação, abrindo 175 novos postos, seguido do setor de Serviços, que ficou com a quinta posição (+40 postos).

De acordo com o Relatório Mensal da Intermediação de Mão de Obra do Ministério do Trabalho (MTE), no mês de julho deste ano, 378 pessoas foram inseridas no mundo do trabalho pelo Sistema Nacional de Emprego (Sine) em Alagoas. Esse cálculo é referente à intermediação realizada em 13 postos de atendimento do Sine no Estado. Na Região Nordeste, Alagoas está na frente do Estado de Sergipe, que criou 1.166 novos postos.

No total, o Nordeste inseriu 39.291 pessoas no mercado de trabalho. Em todo o país, o número também foi positivo, com a criação de 138.402 postos de trabalhos formais no período.

por Roberto Lopes

Comentários comentar agora ❯