Martha Martyres

Martha Martyres

Radialista, diretora da rádio Penedo FM, âncora do jornalismo no Programa Lance Livre

Postado em 15/10/2010 17:23

25 anos no rádio

E lá se vão 25 anos desde que aceitei o convite de Luis Carlos de Oliveira e de Arivaldo Lopes para participar do programa Tribuna Eletrônica na Emissora Rio São Francisco.

1985 foi um ano de acontecimentos importantes para a mulher brasileira, como, por exemplo, a aprovação, pelo Congresso Nacional, da lei que criou o Conselho Nacional dos Direitos da Mulher e a criação da primeira Delegacia da Mulher no estado de São Paulo.

1985 foi o ano da eleição de Tancredo Neves e de sua morte. Da posse de José Sarney na Presidência da República, uma decisão considerada polêmica, mas que garantiu que o Brasil continuasse a trilhar o caminho da redemocratização. A história ainda haverá de fazer justiça aos generais João Batista Figueiredo e Leônidas Pires Gonçalves. As atitudes tomadas por esses homens em um momento tenso da política brasileira impediram que o país voltasse à ditadura.
Foi em 1985 que nós também tivemos a primeira eleição direta para prefeitos das capitais brasileiras e de cidades enquadradas na antiga Lei de Segurança Nacional.

A urgência da participação feminina nos assuntos cotidianos do país também determinou a presença mais efetiva das mulheres nos meios de comunicação.

Iniciei minha carreira no rádio como comentarista do programa Tribuna Eletrônica, apresentado pelo companheiro Luis Carlos de Oliveira. Em 1986 estreei meu primeiro programa, o Palavra de Mulher, patrocinado pela Loja Diana.

E lá se vão 25 anos!

Na nossa profissão, é importante ter consciência plena de quem você é e o que representa para os outros. Não é fácil, mas o comunicador carrega sobre os ombros a responsabilidade de conscientizar o seu ouvinte sobre tudo o que acontece no mundo à sua volta e esse é um compromisso que não pode ser desonrado.

Hoje, posso dizer que encontrei o que procurava, mesmo contabilizando os desafios e as desventuras, o enfrentamento de situações de risco ou vivendo momentos emocionantes.
Sei que tudo que é catastrófico, sensacionalista, violento ou vergonhoso gera noticia e dá audiência, mas as lições da profissão me ensinaram que a vida vai muito além de um programa de rádio, da audiência, de um prêmio ou dos elogios fáceis.

Hoje eu sei que há amigos reais, fiéis, e os amigos do microfone e da notícia, desde que eles, o microfone e a notícia lhes sejam favoráveis.

São 25 anos dedicados à notícia, à informação, à prestação de serviço, à discussão dos problemas da comunidade e à insurreição diante de um sistema que privilegia a mentira, a hipocrisia e a corrupção.

Mas também são 25 anos diante de crianças que se tornaram homens e mulheres informados a respeito de sua cidadania e de seus direitos e deveres de cidadãos. Vidas transformadas e se pelo menos uma foi salva, já valeu à pena!

Sei que pelo tempo que continuar a partir de hoje, estarei novamente diante de outros desafios, obstáculos e fatos.

Diante de crianças abandonadas e com tetos de escolas desabando sobre suas cabeças, pais desempregados, profissionais desrespeitados, mulheres vítimas da violência, doentes sem assistência, injustiças cometidas contra os que podem menos, cidadãos indefesos com direitos renegados e muitas outras mazelas provocadas por pessoas que ocupam cargos públicos, que foram beneficiadas com a esperança em forma de voto e que com o poder da representação e que em nome desses elementos tão singelos e significativos mentem, roubam, traficam, corrompem e até matam em nome do dinheiro e do poder, ignorando valores, princípios e compromissos.

A nossa luta é constante, diária, exaustiva, mas quando o fato acontece, é como um líquido que nos hidrata, alimenta e revigora.

Na Rádio Penedo FM, levo hoje ao ar o programa de número 4.875. Agradeço à minha família, aos meus filhos e peço perdão pelas vezes que a notícia foi mais importante do que a atenção materna e não percebi as mandíbulas de lagartixa secando ao sol ou não estava presente na queda da caramboleira.

Ao Luisão, meu companheiro, amigo há mais de 40 anos. Ao saudoso Arivaldo Lopes e a todos com quem convivi na Emissora Rio São Francisco; ao amigo Albérico Cordeiro, de saudosa memória, com quem aprendi muito sobre Alagoas, sobre o Brasil, sobre notícia e gente.
Agradecer ao Dr. Hélio Lopes e a Ronaldo Lopes pela oportunidade na Rádio Penedo FM onde, há vinte anos, desenvolvo meu trabalho contando com o respeito, confiança, liberdade intelectual e administrativa e dignidade.

Aos ouvintes, ao povo de nossa região, barranqueiros do Velho Chico em cujas águas me revigoro e fortaleço, obrigada. O meu maior compromisso é com vocês.

Aos meus companheiros do dia-a-dia não apenas um agradecimento, mas a certeza de que fomos designados a cumprir uma missão. Cada palavra transformada em notícia, cada esperança que regamos, cada injustiça que reparamos, cada sorriso que extraímos, cada dignidade que resgatamos através das ondas do rádio devem fazer parte de uma contabilidade que Deus estabeleceu para nós no seu Livro de Entradas e Saídas. E eu acho que o saldo é positivo e nós estamos bem no arquivo. Então, Vamos trabalhar?

O tempo é sempre de informação e a notícia está no ar!

Comentários comentar agora ❯

  • Roberto Parabéns Martha, Cresci ouvindo a Rádio Penedo FM e o Programa Lance Livre,Todos os dias,Todas as manhãs e foi assim que cresci.Quando ligava aquele velho e amigo Rádio de Pilha ou até mesmo na bateria de 12 volts.Onde chegava a andar 5 KM a Pé para carregar a bateria onde tinha energia elétrica em cima de um carro de mão.Onde ouvia aquela voz Emissora Rio São Francisco. Ah! que saudade, e hoje ao comentar lembro-me destes detalhes.
  • Marcos Vinicius Parabéns Martha, sei que nessa profissão vc já viveu muitos momentos marcantes e tenha certeza de que vc tem uma importância muito grande na vida de milhares de pessoas que confiam na sua palavra. Afinal, são 25 anos e todos sabem como vc é dedicada ao seu trabalho e a Penedo FM. Continue assim, guerreira e corajosa na defesa dos mais humildes e de nossa Penedo que precisa de gente independete e digna como vc, mesmo que alguns, os corruptos e fujões, digam o contrário porque não conseguem lhe dobrar. Força mulher! Parabéns!
  • VALQUIRIA NOBRE MARTHA ... PARABÉNS POR SEUS 25 ANOS NO RÁDIO, PARABÉNS POR SER ESSA GRANDE PROFISSIONAL. QUANDO TEM ALGUM ASSUNTO POLÊMICO, OU COMO VC DIZ UMA TRAGÉDIA Q GERA NOTÍCIA , ASSIM COMO FOI A REBELIÃO DA DELEGACIA DE PENEDO, EU LIGO O RÁDIO EM SEU PROGRAMA E FICO ANCIOSA ESPERANDO SEUS COMENTÁRIOS,SUAS CRÍTICAS E ELOGIOS PQ VC COMO PENEDENSE POR ESCOLHA, POR AMOR , SABE EXPRESSAR O Q NÓS PENEDENSES TEMOS VONTADE DE FALAR. IMAGINO AS DIFICULDADES Q VC ENFRENTA DIANTE DESSE MICROFONE, EM ALGUNS TEXTOS, EM ALGUMAS HISTÓRIAS, NÓS OUVINTES SENTIMOS SUA VOZ TREMER, DIANTE DE CERTOS FATOS, MAIS PQ MAIS Q UMA GRANDE PROFISSIONAL , VC É UMA GRANDE MULHER DE CARNE , OSSO E SENTIMENTOS , E Ñ É FÁCIL VER TANTAS INJUSTIÇAS E DESIGUALDADES. ESPERO OUVIR VC POR MAIS OU MENOS UNS 25 ANOS, LUTANDO , POR NOSSA QUERIDA PENEDO. PARABÉNS!!!!!!!!!!!!
  • Cel Pinheiro Nós que estamos felizes em ter vc no cotidiano, sempre com sua sabedoria para confortar os mais necessitados e os que querem apenas uma atenção dos seus problemas. Parabéns por fazer parte da vida de todos os admiradores, amigos e familiares. Que Deus ilumine sua vida na sua nobre missão.
  • cidadao parabéns!você é essencial pra penedo.
  • Marcos Guimarãe Amiga Martha, embora não pudesse ouvi-la com freqüência, aqui em Maceió, já que a Penedo FM, não atingia com um bom sinal. Pude acompanhar o seu trabalho como excelente profissional, nas vezes que estive na bela Pendo para tratar de assuntos da nossa categoria. Você é uma apaixonada pelo veiculo Rádio. Foi com o seu talento de profissional e líder, somado a outros colegas aí de Penedo, que o nosso sindicato avançou e conquistou espaço, se firmando como um instrumento de luta da categoria. 25 anos é uma vida de batente e uma grande experiência. Espero vê-la comemorar mais 25, 30 50 anos.... Parabéns! Um grande abraço, Marcos Guimarães, um radialista sem rádio.
  • MARIA NÚBIA DE OLIVEIRA Martha, a sua voz é o eco do povo sem voz e sem vez. Na sua pessoa envio as minhas felicitações extensivas a toda essa equipe maravilhosa da Penedo FM. Não tema, continue honrando a verdade, denunciando as injustiças, acuando os desonestos. 25 anos! Bodas de Prata! Essa prata que brilha quando os injustiçados choram. Essa prata que reluz quando o faminto pede. Essa prata que se destaca quando a á dúvida é dissipada! Parabéns! Mil vezes parabéns! quantas vezes um nó na minha garganta é desatado quando a sua voz fala por mim e por todos. Suas palavras são palavras que estão no âmago de cada alma, na dor de cada coração! Parabéns, Martha pela sua voz transparente, firme como uma seta. Parabéns, Martha, pela resposta ao ouvinte que está esperando o seu parecer. E Luizão? Esse meninão que chora rindo, e que ri, chorando. Esse meninão que se tornou povo. Esse meninão que adentra nos lares, olha as panelas e grita bem alto que não há comida... Esse meninão que fala o português do povo, do analfabeto, do intelectual, do padre e do evangélico. Parabéns a todos vocês! Beijos! Maria Núbia de Oliveira
  • joaozinho VOCE É NOSSA FATIMA BERNADES DA PENEDO FM, QUE VENHA MAIS 25 ANOS, PARABENS
  • CIDINHA Valquiria minha amiga até na hora de parabenizar uma profissional desse naipe voce fala em politica, minha amiga pare um pouco, porquer a blibila diz que nene só do pão vive o homem, agente diz nene só de politcca a pessoa vive, vá viver um pouco, se não voce vai se estressar, parabens MARTA 25 anos não 25 dias, voce é simplismente a dona do hoaraio nobre voce é 10, ja chegaran tanta gente pra ver se derruva voce desse horario, mais voce 1000.
  • gedalva Oi martha, parabéns minha linda,cresci conhecendo voce te ouvindo todos os dias, e sabendo que voce é uma pessôa maravilhosa, me orgulho de na minha cidade ter uma mulher igual a voce determinada perseverante e corajosa e acima de tudo é humilde, hoje resido em são paulo já alguns anos mais sinto muitas saudades dos seus progamas e de todos da emissora rio são francisco onde vc começou, quando posso ouço a fm pela iternet, deixa eu te falar já trabalhei na usina paisa no escritório na época consegui a vaga graças ao meu saber e a voce, voce foi muito legal comigo por isso aprovetando o gancho vai meus agradecimentos, que deus te ilumine sempre voce merece muito mais bjs.
  • Pedro Soares Fazer jornalismo não é muito difícil. Difícil e fazer jorlalismo com credibilidade, responsabilidade e, principalmente, com muito amor a sua comunidade e aos seus ouvintes. Difícil é estar 25 anos no ar e ser lider por, pelo menos, mais de 10 anos. Penedo precisa muito de sua intervenção, todos os dias, defedendo e mostrando a realidade para o nosso povo. Parabens pela profissional e pelo ser humano que você é. Estaremos juntos nos próximos 25+25+25.....anos. Um beijão do amigo Pedrinho.
  • Ednaldo Fernandes Quero parabenizar a Martha Mártires, pela sua capacidade e profissionalismo, lembro-me que há algumas décadas trabalhávamos na \\\"Fábrica da Passagem\\\" e jamais imaginei que ela tivesse esse tino, para o jornalismo e para o rádio, uma grata surpresa, não só para mim, mas para todos os penedenses, pois considero-a uma das melhores promessas do rádio alagoano, em todos os tempos, desde os tempo da antiga, ZYH-246 Emissora Rio São Francisco, que falava para o Brasil, em ondas médias e tropicais, onde fizeram escola diversos profissionais de gabarito iguais ao seu, e que hoje estão espalhados pelo Brasil afora, tenho orgulho de tê-la conhecido e de saber que fazes mais do que pessoas que se dizem públicas, e nada fazem por Penedo! que Deus continue te abençoando e iluminando, você e sua família; é de pessoas assim, que não tem papas na língua, que defende à nossa gente sofrida, um forte abraço deste penedense que se tornou seu fã.
  • evanio seu eterno ouvinte,,, as vezes o tempo nao nos permite sermos amigos ou ouvintes ou o que gostarimos que fossemos diante de pessoas com voçe MARTA,sempre te acompanhei e continuo ate hoje,mesmo sem estar ou sendo proximo mais sou sempre aquele amigo admirador fiel ,um forte abraço de seu filho ouvinte evanio.parabens minha amiga.
  • Hugo Garimpeira da notícia, Antagonista do medo. Editora da verdade, Que não abafa segredo. Sonhadora de alma enorme, Marca legítima do aedo. Colhe as matérias na fonte E as lapida em seu enredo. Ama e curte o seu trabalho Como se fosse um brinquedo. Notável, súbita, precisa. Forte. Às vezes um rochedo. Cáustica, perspicaz, temida, Dura que nem um lajedo. Profissional do tipo (dorme tarde e acorda cedo). Para seus opositores, Pior que um fruto azedo. Para políticos vulgares, Uma espécie de torpedo. A polêmica MARTHA MÁRTYRES Da histórica Penedo. Esse poema de Dideus Sales, radialista e escritor cearense, no livro O Sertão em Verso e Prosa, editado em 1998 que trouxe para o Peru, retrata bem essa mulher. Ainda aguardo vc em Lima
  • Roberto Parabésns Martha Marthyres pelo seus 25 anos de Profissão.Resolvi te parabenizar por ser acima de tudo esta grande mulher que durante décadas vem sendo a defensora dos que não tem voz e nem vez. Martha graças a você que podemos externar nossos sentimentos e opiniões as vezes sem ser solicitado, onde elevo minha grande estima e consideração por ter você nesta nobre missão.
  • Elusival Silva Santos Em 1985, além da morte de Trancredo Neves, após exato um mês, 21 de maio, morria o Maior e Mais querido prefeito de Penedo: Raimundo Marinho. Homem simples, de sensibilidade, um dentista que acreditava na educação como de arma para desenvolvimento de um povo. Depois dele, o berço da cultura já teve alguns prefeitos que só têm curso médio.