28 Setembro 2010 - 08:10

PM apresenta plano operacional das eleições para comandantes de áreas

PM/AL

O Comando Geral da Polícia Militar de Alagoas fez as últimas orientações aos policiais que estarão comandando tropas nas eleições. Oficiais da corporação estiveram no auditório da Secretaria de Defesa Social para conhecerem como será a atuação da PM nos 102 municípios do Estado.

“Esperamos que não aconteça nada de anormal e que mais uma vez tenhamos uma eleição tranquila”, ressaltou o comandante da PM, coronel Dário César. Segundo ele, pelo menos quatro policiais estarão nos locais de votação durante o pleito eleitoral. “Nos municípios onde há um histórico conturbado estaremos enviando mais recursos humanos e materiais”, garantiu.

Ao todo, a PM empregará um efetivo de 7.479 policiais, sendo 4.075 na região metropolitana e 3.404 no interior de Alagoas. Neste ano, a região metropolitana e o município de Arapiraca também ganharão o reforço de recrutas do Curso de Formação de Praças. Eles estarão acompanhados de policiais experientes para o trabalho de guarda das urnas no dia anterior até a hora da votação.

Para uma melhor orientação da tropa, a corporação distribuirá 7 mil cartilhas com os procedimentos a serem adotados pelos policiais em situações de desacordo com a lei, além dos crimes eleitorais em que candidatos e eleitores possam ser enquadrados.

“Já no período ‘pré-eleições’ tomamos algumas medidas para minimizar a ocorrências de crimes eleitorais nas cidades com históricos negativos”, salientou Dário César ao falar do trabalho antecipado de prevenção realizado junto com a Polícia Federal.

Tropas do Exército também reforçarão algumas cidades durante as eleições e nos municípios de Branquinha e Santana do Mundaú, policiais da Força Nacional em Alagoas ficarão nas tendas que serão montadas para funcionar como locais de votação, já que as cidades passam pelo processo de reconstrução pós-enchente.

Na segunda-feira da semana passada (20), o plano operacional de segurança para as eleições 2010 foi apresentado ao presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE/AL), desembargador Estácio Gama. Na quarta-feira (29), o comando da PM também estará se reunindo com os oficiais no posto de capitão para passar as mesmas orientações de hoje.


Embarque da tropa

O embarque da tropa para o interior do Estado está marcado para às 7 horas da sexta-feira, dia 1º de outubro. Os policias viajarão já com os valores das diárias em conta. De acordo com o comandante da PM, coronel Dário César, o governo de Alagoas já liberou o processo para pagamento antecipado da ajuda de custo.

A PM utilizará policias militares do meio administrativo de todas as unidades, a exemplo do Quartel do Comando Geral. As férias dos policiais serão suspensas e para que houvesse um número ainda maior de efetivo, a concessão de licenças especiais também foi suspensa até o fim das eleições.

O policiamento na capital não terá o efetivo reduzido devido ao reforço para o interior e vai continuar com o mesmo número diário de guarnições de serviço. Ao todo, 550 viaturas policiais serão disponibilizadas.

O retorno da tropa está programado para a próxima segunda, dia 04. Mas, segundo o comando da PM, caso haja necessidade de manter o efetivo em algumas cidades, os policiais deverão permanecer nos locais até que o clima de tranquilidade seja restabelecido.

A PM atuará com quatro modalidades de policiamento: a pé, motorizado, montado e aéreo, sendo esse último sendo executado pelo Bope.



 

por PM/AL

Comentários comentar agora ❯