23 Novembro 2017 - 15:38

Rodrigo Cunha é acusado de pagar emplacamento de veículo pessoal com recurso público

Divulgação
Deputado Rodrigo Cunha

Nesta sexta-feira (24), o Movimento Nacional de Combate a Corrupção Eleitoral em Alagoas (MCCE/AL) e o Movimento Nacional Caras Pintadas entrarão com representação ao Procurador Geral de Justiça em Alagoas, no Ministério Público de Alagoas.

A ação questiona o ato de resolução da Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE/AL) que autoriza deputados a usarem verbas de gabinete para pagamento de aluguel, consertos e IPVA de seus próprios carros, a exemplo do deputado Rodrigo Cunha.

Segundo Fernando CPI, coordenador geral do MCCE/AL e Raudrin de Lima, o ato de resolução da ALE/AL fere os princípios da finalidade, do interesse público, da impessoalidade, entre outros e por esse motivo o núcleo da Fazenda Pública Estadual do MPE/AL deverá cobrar a elaboração do devido projeto de lei sobre tal questão

por Redação

Comentários comentar agora ❯