21 Outubro 2010 - 09:00

Lideranças do Agreste, Sertão e Baixo São Francisco declaram apoio a Lessa

Assessoria

A campanha do candidato ao governo pela Frente Popular por Alagoas, Ronaldo Lessa (PDT) ganhou novos reforços com a adesão de centenas de lideranças políticas dos mais de 30 municípios que compõem as regiões do Agreste, Sertão, Baixo São Francisco e Litoral Sul do Estado. Em caravanas vindas de todas as partes, cerca de 800 pessoas foram a Arapiraca nessa quarta-feira (20) para declarar o engajamento no segundo turno. Entre os presentes prefeitos, vereadores, ex-prefeitos, ex-vereadores, lideranças sindicais e militantes dos 16 partidos aliados.

O candidato chegou a Arapiraca acompanhado pelo prefeito Luciano Barbosa (PMDB) e pelos senadores Renan Calheiros (PMDB) e Fernando Collor de Mello (PTB). Os deputados estaduais Dudu Albuquerque (PSDC), Dudu Holanda (PMN), Isnaldo Bulhões (PDT) e Ricardo Nezinho (PTdoB), bem como a vereadora por Arapiraca, Graça Lisboa, e o ex-deputado Celso Luiz também estavam presentes ao encontro.

“Esse encontro de lideranças aqui em Arapiraca representa o pontapé nicial da arrancada de Ronaldo Lessa rumo à vitória”, disse o prefeito de Arapiraca, Luciano Barbosa, anfitrião da festa.

"O senador Fernando Collor demonstrou toda sua maturidade política nessas eleições. Assim que saiu o resultado das urnas no primeiro turno, imediatamente anunciou seu apoio a Ronaldo Lessa no segundo turno. E hoje estamos todos aqui com a com a certeza de que o povo alagoano está com Ronaldo Lessa, que terá a missão de reconstruir Alagoas”, completou o prefeito.

O senador reeleito Renan Calheiros (PMDB) disse estar confiante na vitória do candidato da Frente Popular e reforçou a importância de se eleger também Dilma Rousseff para a presidência da República para o sucesso do projeto nacional iniciado com o presidente Lula. “O Lula deu toda a demonstração da diferença do atual quadro econômico do país em relação ao passado e Alagoas precisa entrar no ritmo do desenvolvimento. Ronaldo é Dilma são a garantia de que vamos ter um estado melhor”.

Renan criticou a inércia do atual governo que não investe no Estado ao citar alguma das diversas ações que vêm beneficiando Alagoas, graças aos investimentos de recursos do governo federal. E citou como exemplos, as obras do Canal do Sertão, que estão sendo tocadas pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC I e II), o programa de eletrificação rural, que levou energia elétrica a milhares de famílias, a duplicação de inúmeras rodovias, o Bolsa Família, que tirou outras milhares da situação de pobreza absoluta, a interiorização do ensino superior, com a implantação de unidades da Universidade Federal de Alagoas em cidades pólo do Estado, e a implantação de escolas técnico-profissionalizantes em diversos
municípios.

“Esse governador tenta confundir a população com mentiras. E ninguém aceita mais esse projeto econômico que só atende aos interesses de uns poucos grupos. Mas nada segura a mudança e vamos trabalhar para que ela aconteça”, disse.

O senador Fernando Collor aproveitou a reunião para agradecer os votos obtidos no primeiro turno e convocou o engajamento de todos agora na conquista de cada voto onde quer que ele esteja para eleger Ronaldo Lessa. “É com alegria que estamos aqui unidos por um objetivo comum. Pela vontade soberana do povo coube a Ronaldo Lessa a condução desse processo ao grande destino que nos está reservado. Se estamos aqui é porque acredito nesse projeto. O que nos une, além do fato de pertencermos a mesma base de sustentação do governo Lula, é a
preocupação com a melhoria de vida do nosso povo. E tenho a certeza de que Ronaldo Lessa a frente do governo irá responder à altura as expectativas da população”.

“Esse governador além de preguiçoso, também é mentiroso, porque a maioria das obras que ele anuncia como sua, na verdade não teriam chegado aqui sem o empenho do senador Renan Calheiros, da bancada federal. As placas espalhadas pelo Estado dizem que são obras do
Governo do Alagoas, mas são todas com recursos do governo federal. Esse governador tomou de assalto o Palácio República dos Palmares, mas vamos lutar para mudar esse quadro”, disse Fernando Collor, ao convocar os presentes a lutarem por cada voto em suas bases eleitorais.

Em seu discurso, Ronaldo Lessa agradeu o engajamento e todos e os votos obtidos no primeiro turno. “Aceitei essa candidatura como uma missão, com a responsabilidade de devolver Alagoas ao povo. A única coisa que esse governador fez nesses quatro anos foi mentir; ele traiu a todos, ao que trabalharam para elegê-lo, a mim, à classe política, mas, sobretudo, ele traiu o povo. Mas estamos na reta final e é preciso muito trabalho. Peço aos que votaram em mim, no Collor, e nos outros candidatos de oposição que vistam a camisa como se fossem o
próprio candidato”, finalizou.

por Ascom/Frente Popular Por Alagoas

Comentários comentar agora ❯

  • leonel colombo Collor e Lessa, juntos, mostra que o PDT, deixou de ser umpartidopara se tornar um capacho para LULLA eo PT, que o interesse individual, predomina, e que a plítica brasileira nunca ha hist´ria deste pais esteve tão baixa, graças ao LULLA e ao PT, que não sabem o que é moralidade e hombridade, o Brasil com esta gente cada vez mais se afunda na mediocridade. Leonel
  • COLLOR NUNCA + Votei no Lessa no 1º turno + agora com o apoio desse Collor destruidor de Alagoas, Deus me livre. Vou votar no Téo.