21 Julho 2017 - 16:00

Áudio: Em entrevista a Penedo FM, deputado Ronaldo Lessa defende prosseguimento de denúncia contra Temer

Roberta Feitosa - aquiacontece.com.br
O deputado declarou que de certa forma tem sido penalizado por suas posições contrárias ao governo Temer

O ex-governador de Alagoas e atual deputado federal, Ronaldo Lessa (PDT), foi entrevistado na manhã desta sexta-feira, 21 de julho, pela radialista Martha Martyres, âncora do Programa Lance Livre da Rádio Penedo FM (97,3 Mhz e www.penedofm.com.br).

Ao lado do prefeito Március Beltrão (PDT) e do vice-prefeito Ronaldo Lopes (PMDB), o deputado federal iniciou sua participação no programa que é líder em audiência na região do Baixo São Francisco falando sobre o cenário político nacional, com ênfase nas denúncias de corrupção envolvendo o presidente Michel Temer.

Ronaldo Lessa foi enfático ao defender a admissibilidade da denúncia contra o presidente para que ele possa ser julgado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). “A Câmara precisa autorizar o prosseguimento da denúncia contra o presidente, em respeito ao povo brasileiro. É preciso que essas acusações sejam apuradas”, complementou.

O deputado declarou que de certa forma tem sido penalizado por suas posições contrárias ao governo Temer, inclusive com o corte em emendas. “Dos 16 milhões em emendas que eu tinha direito, o governo cortou 50%, vindo apenas R$ 8 milhões. Então por esse motivo tivemos que eleger algumas prioridades e terminamos por beneficiar, nesse momento, apenas 22 municípios alagoanos”, explicou.

Questionado pela radialista Martha Martyres, o ex-governador falou sobre sua posição quanto as reformas propostas recentemente:

Reforma Trabalhista“O Brasil precisa de reformas, mas a questão é como fazer, como modernizar. É fundamental que os direitos dos trabalhadores sejam garantidos, mas do jeito que foi feito o trabalhador acabou sendo prejudicado, principalmente, nesse caso em que prevalece o acordado entre o patrão e o empregado. É o mesmo que mandar a raposa cuidar das galinhas, não tem como dar certo. Acho que tinha muita coisa para ser organizada, mas não da forma como foi feita. Votei contra essa reforma e quem do PDT votou favorável a ela foi expulso do partido”.

Reforma Previdenciária “Essa reforma proposta pelo governo é desastrosa. Os números divulgados são mentirosos e a propaganda que passa na televisão é criminosa. Um governo que entra pela culatra, sem autoridade, sem nem 10% de aceitação pública, não tem legitimidade para propor medidas como essas. Defendemos antes de tudo uma auditoria nas contas da previdência”.

Reforma Política “É uma reforma necessária. Pouca gente sabe, mas atualmente existe na Câmara de Deputados algumas comissões tratando desse assunto. Recentemente participei de uma reunião com o deputado Vicente Cândido (PT), que é o relator da reforma política na Câmara. O que pude perceber é que ainda há muita divergência. Sou favorável a reforma porque sei que é através dela que modificaremos outras questões defasadas no país, como por exemplo, a atuação do Ministério Público”.

A respeito de Penedo, o deputado federal lembrou de quando era governador, destacando suas principais ações voltadas para o município ribeirinho. Além disso, Ronaldo Lessa destacou a parceria que tem com o prefeito Március Beltrão e com o vice Ronaldo Lopes o que, segundo ele, tem resultado em muitos benefícios para a cidade.

“Nosso trabalho por Penedo não para. Já garantimos cerca de R$ 600 mil para essa nova fase da Orla e disponibilizamos recursos para a Santa Casa de Misericórdia, Acresc e para a Saúde como um todo, entre outras áreas. Esse é o reflexo de um trabalho sério desenvolvido em parceria com os gestores do município. Eles já sabem que podem contar sempre comigo”, enfatizou Lessa.

O entrevistado ressaltou que, como líder da bancada alagoana na Câmara Federal, tem buscado unir os deputados em prol da concretização de um sonho antigo não só dos penedenses, mas dos moradores de toda a região do Baixo São Francisco, que é a construção da Ponte Penedo/Neópolis-SE.

“Estamos unindo toda a bancada para continuar em defesa desse projeto, importantíssimo para toda a região. Além disso, estamos dialogando com parlamentares sergipanos para que aja um entendimento quanto a isso. Defendemos a construção da ponte entre Penedo e Neópolis porque a obra será mais barata e causará menos danos ao meio ambiente”, acrescentou.

Para o deputado, a ponte será um forte instrumento para o desenvolvimento de Penedo, pois deve fomentar o turismo e a economia na cidade ribeirinha.

Antes de encerrar sua participação no Lance Livre, Ronaldo Lessa declarou que chegou a ser convidado pelo governador Renan Filho (PMDB) para ser o candidato do grupo à prefeitura de Maceió no ano passado e explicou o porquê recusou. Além disso, o deputado fez uma avaliação sobre o Governo de Alagoas na atualidade e falou sobre outros assuntos.

Clique no player e confira a entrevista na íntegra!
 

por Redação

Comentários comentar agora ❯

  • Claudio Muito bem Deputado, faltou complementar que se condenado o Temer deve ser preso depois de concluído o processo e que Lula será preso também. Eu na realidade ja estava sentindo falta dessa enrolação para os BOBOS de Penedo que é a construção dessa ponte. Isso da voto, não sei quantos mais da.
  • fabio nao ganha nem pra vereador mais !!! ja ta lembrando de penedo ne ? eleiçao para o ano ! nao saiu candidato a prefeito de maceio que a lapada ia ser grande .