18 Fevereiro 2010 - 11:59

Ex-Prefeito de Cambuci (RJ) é preso por desvio de verba

O médico William Cardoso Portes, ex-prefeito de Cambuci, na Região Noroeste do Estado do Rio, está preso desde a quinta-feira (11), quando atendia no posto de saúde da cidade de Carapebus. Ele teve a prisão preventiva decretada pela Justiça, juntamente com mais sete pessoas acusadas pela prática de crimes de peculato, quadrilha e fraude à licitação. A notícia foi divulgada nesta quinta-feira (18) pelo site do Ministério Público do Rio.

O ex-prefeito e os demais acusados, comerciantes estabelecidos em Cambuci e São Fidélis, são responsabilizados por desvio de verba do programa do Governo Federal Brasil Alfabetizado.

A decretação da prisão preventiva, requerida pelo Ministério Público ao Juízo da Vara Única de Cambuci, foi fundamentada na necessidade de manutenção da ordem pública e de assegurar a aplicação da Lei Penal, tendo em vista estarem os acusados ameaçando uma das testemunhas do processo.

Além de Cardoso Portes, são acusados Dilmar Magalhães Oliveira Luciano, Gecedílson de Souza Silva, Manoel Carlos Pereira Gomes, Roberto Carlos Carrarine Barcelos, Jorge Luiz Nascimento de Oliveira, Aguinaldo Alves Motta e Francismar Leite Vieira.

Segundo a denúncia, subscrita pela Promotora de Justiça Renata Felisberto Farah, em dezembro de 2008, foram integralmente desviados os R$ 102.500,00 do Programa Brasil Alfabetizado, destinados à compra de material didático e de gêneros alimentícios que deveriam ser oferecidos aos alunos.

 

por Agencia Rio

Comentários comentar agora ❯