12 Setembro 2009 - 21:31

PMDB reúne Executiva em São Miguel

Valderi Melo/Assessoria
Senador Renan Calheiros com lideranças

O senador Renan Calheiros esteve reunido neste sábado, 12, com a Executiva estadual do PMDB em São Miguel dos Campos, com a presença dos prefeitos do partido, dos deputados federais Olavo Calheiros e Carlos Alberto Canuto, do presidente da Associação dos Municípios Alagoanos (AMA) e prefeito de Arapiraca, Luciano Barbosa. A comitiva foi recepcionada pela prefeita Rosiane Santos, o vice-prefeito Manoel Messias (Marechal) e o presidente do PMDB local, Celinho Vasconcelos. Logo em seguida, Renan viajou a Brasília.

Durante seu discurso, Renan disse que tem conversado com o ex-governador Ronaldo Lessa (PDT), com o também senador Fernando Collor (PTB), o prefeito Cícero Almeida (PP) e representantes do PR e PT, mas não para tratar de apoio a candidaturas majoritárias com vistas ao pleito de 2010. “O que temos conversado é sobre um amplo projeto visando ao desenvolvimento alagoano ancorado, preferencialmente, pelos partidos que fazem parte da base de sustentação do governo do presidente Lula no Congresso Nacional”, disse.

“Tenho conversado muito com todos os partidos. E vou continuar conversando! É importante envolver todo mundo para que você tenha a melhor decisão, analise o que o Estado quer, o que vai fazer do ponto de vista das propostas, das sugestões e das alianças políticas. Enfim, para que o partido cumpra definitivamente seu papel ele tem que ter essa abertura, essa perspectiva de conviver muito bem com os outros partidos. E o PMDB tem demonstrado no dia-a-dia essa dimensão”, disse o senador, líder do PMDB no Senado.

As alianças para 2010, porém, não fazem parte das conversações do presidente estadual do PMDB com outras lideranças partidárias locais. “Vamos ter uma aliança nacional e trabalhar para que ela se reproduza aqui no Estado, mas essa discussão fica para fevereiro ou março, quando o processo eleitoral será definido. O importante, agora, é conversar e termos em mãos uma proposta para o desenvolvimento do Estado, pois este é um anseio coletivo e precisa ser discutido e apresentado à sociedade”, reforçou.

Com isso, o senador convocou toda a base partidária do PMDB para estar de mãos dadas. Ele defendeu a realização de novos encontros como o que ocorreu em São Miguel dos Campos neste sábado, com a Executiva estadual dialogando com os dirigentes dos diretórios municípios e os prefeitos do partido, visando fortalecer ainda mais o partido. “É importante que no partido possa prevalecer o sentido democrático”, concluiu o senador. A próxima reunião da Executiva estadual será em Porto Calvo, em 16 de outubro.

Encontro também serviu como ato de solidariedade

A reunião da Executiva estadual do PMDB serviu também para que as principais lideranças do partido em Alagoas fizessem um ato de solidariedade à prefeita Rosiane Santos, que enfrenta problemas junto à Justiça eleitoral por conta de ações impetradas pelos adversários políticos derrotados na última eleição e que ainda não aceitaram o resultado das urnas. Um dos principais nomes do PMDB em Alagoas, o prefeito de Arapiraca e presidente da AMA, Luciano Barbosa, destacou a importância do encontro, bem como o ato em apoio à colega de São Miguel dos Campos.

“O objetivo é unir o partido, trocar idéias, estreitar os laços, saber o que cada um está pensando e ouvir mais o senador Renan Calheiros, já que no ano que vem nós temos eleição, mas também foi prestar solidariedade a prefeita Rosiane numa motivação que o partido faz no sentido de apoiá-la pelo trabalho que está fazendo em São Miguel dos Campos e confiando na Justiça de que ela continuará no mandato. Ela é um dos bons quadros que o PMDB tem em Alagoas, já mostrou isso durante seu primeiro mandato”, afirmou Barbosa.

A anfitriã do encontro, prefeita Rosiane Santos, avaliou como positiva a reunião da Executiva estadual em seu município. “É uma honra o nosso município o primeiro a organizar a reunião do PMDB, quero agradecer a todos que se fizeram presentes, aos prefeitos, vereadores e principalmente ao senador Renan Calheiros e ao prefeito Luciano Barbosa pelo apoio que nos tem dado nesse momento que a gente atravessa e que com certeza será esclarecido. A opinião do povo é a que prevalece, fui eleita pelo povo e tenho fé em Deus que vou continuar no meu cargo, estou de cabeça erguida e confiante de que o resultado que será positivo”, disse Rosiane Santos.

Do PMDB estiveram presentes os prefeitos de Carneiros, Geraldo Filho; de Ouro Branco, Atevaldo Cabral; de Água Branca, José Rodrigues (Zé de Dorinha); de Batalha, Paulo Dantas; de Porto Calvo, Carlos Eurico Leão e Lima (Kaíka); de Piranhas; Mellina Freitas; de Marechal Deodoro; Cristiano Matheus e de Taquarana; Alay Correia; além do vice-prefeito de Cacimbinhas, Wladimir Wanderley, que vem respondendo pelo cargo em função do afastamento para tratamento de saúde do prefeito Roberto Wanderley.

Presentes ainda o prefeito de Tanque D’Árca, Roney Valença (PPS) e do presidente da União dos Vereadores de Alagoas (Uveal), Hugo Wanderley, além de vereadores, secretários e outras lideranças políticas de São Miguel dos Campos.

por Assessoria

Comentários comentar agora ❯