11 Agosto 2010 - 16:17

Vídeo: Candidato ao senado e jornalista trocam socos e pontapés no Acre

O noticiário nacional estampou em todos os veículos de comunicação na manhã desta quarta-feira (11), uma entrevista que terminou em pancadaria na capital do Acre, Rio Branco. A gravação da entrevista entre o candidato ao Senado João Correia (PMDB) e o jornalista Demóstenes Nascimento, apresentador da TV 5, afiliada à Rede Bandeirantes, foi amplamente reproduzida durante todo o dia.

A entrevista seria exibida na noite da terça-feira (10), mas foi interrompida quando o candidato e o jornalista fizeram do estúdio um verdadeiro ringue, com a troca insultos, socos e pontapés. Após a sessão de baixaria, ambos registraram boletim de ocorrência e fizeram o exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal da cidade.

O candidato ao senado que é ex-deputado federal e professor de economia da Universidade Federal do Acre, terminou sofrendo escoriações leves na face, queixo e joelho direito. Correia que recebeu atendimento médico após o ocorrido disse que será submetido a um tratamento conservador, mas pode sofrer uma cirurgia em um dos dedos do pé que teve um tendão lesionado.

De acordo com o jornalista Demóstenes Nascimento os insultos e a pancadaria teriam começado depois que ele perguntou ao candidato sobre a segurança pública. Após a pergunta Correia teria se descontrolado e começado a gritar, sendo interrompido pelo jornalista que tentou inclusive parar a gravação antes do desfecho do episódio. A versão é contestada por João Correia.

O candidato disse que havia afirmado que o governo da Frente Popular do Acre fracassou e que as obras da BR-364, de Sena Madureira a Cruzeiro do Sul, eram usadas para a lavagem de dinheiro. Neste momento, segundo João Correia, ele teria sido interrompido pelo apresentador que declarou ser o candidato um dos envolvidos no escândalo das Sanguessugas e que não tinha moral para falar contra o governo.
 

por Redação

Comentários comentar agora ❯