29 Março 2017 - 10:40

Operação é realizada no Presídio do Agreste e Penitenciária de Segurança Máxima

Jorge Santos
Governo do Estado fortalece a segurança nos presídios e evita distúrbios de ordem nas unidades

Movimentação intensa no sistema prisional. Na terça-feira (28), a Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris) coordenou a movimentação de 280 custodiados entre a Penitenciária de Segurança Máxima, em Maceió, e o Presídio do Agreste, em Girau do Ponciano. A operação foi desencadeada de forma integrada por agentes penitenciários e militares. Os trabalhos estão dentro do planejamento da Seris para intensificar a segurança nos presídios.

Na operação, a décima sexta do ano, 130 apenados foram conduzidos para o Agreste e 150 deram entrada na Penitenciária. Ao final da operação, o secretário da Ressocialização, Marcos Sérgio de Freitas, enalteceu o trabalho dos agentes penitenciários e militares para garantir a tranqüilidade dentro e fora dos presídios. Somente neste ano, 1.600 custodiados foram movimentados nas operações conduzidas pela Seris.

“As operações têm caráter preventivo e são permanentes. O Governo de Alagoas não tem medido esforços para promover a paz no cárcere e nas ruas. Graças ao trabalho diuturno dos agentes penitenciários e policiais militares estamos conduzindo os trabalhos no sistema prisional dentro do viés da ordem e disciplina, conforme prevê a Lei de Execuções Penais. A segurança é um fator preponderante para efetivar a ressocialização”, afirma.

Estiveram engajados na ação agentes penitenciários lotados no Grupamento de Escolta, Remoção e Intervenção Tática (Gerit) e militares dos Batalhões de Operações Policiais Especiais (Bope), Rádio Patrulha (BPRp) e Polícia Rodoviária Estadual (BPRv). As forças de segurança realizaram varreduras nas celas, contagem, revista e extração dos custodiados. Já os profissionais de saúde fizeram a triagem e entregaram kits de higiene pessoal aos internos.

por Agência Alagoas

Comentários comentar agora ❯