19 Outubro 2018 - 07:50

Boatos sobre sequestro de crianças deixa população de Piaçabuçu e Coruripe em pânico

arquivo - aquiacontece.com.br
Famílias de Piaçabuçu e Coruripe estão em pânico com tantas histórias

Há décadas um boato de que um carro preto estaria sequestrando crianças em todo o Brasil tira o sossego de muita gente. Nos últimos dias, esse assunto voltou à tona e tem causado pânico em famílias de pequenos municípios brasileiros, a exemplo de Coruripe e Piaçabuçu, ambos situados na região Sul de Alagoas.

Nesta quinta-feira, 18 de outubro, famílias desses dois municípios, bem como de toda a região, ficaram bastante assustadas ao saberem do suposto desaparecimento de duas adolescentes que saíram do povoado Penedinho, em Piaçabuçu, para irem à escola no Centro do município, mas não chegaram nem a entrar na unidade de ensino.

Assim que a notícia do suposto desaparecimento das estudantes da Escola Municipal Padre Luís Barbosa Leite se espalhou começaram a surgir muitas histórias, inclusive a de que as meninas teriam sido levadas por essas pessoas que estariam em um carro preto sequestrando menores de idade.

No entanto, o caso não passou de um grande mal-entendido. As adolescentes não estavam com vontade de assistir aula e, após chegarem em Piaçabuçu, decidiram voltar para casa. Como um irmão delas, que estuda na mesma escola, chegou depois, em outro carro, ficou assustado ao perceber que as garotas não estavam na escola. Foi ai que tudo começou.

Outro caso registrado nesta quinta, 18, foi divulgado em grupos de WhatsApp, através de um áudio. Na mensagem de voz, um homem falava sobre o suposto sequestro das adolescentes do Penedinho e dizia também que no povoado Poxim, em Coruripe, um homem havia sido preso após tentar puxar uma criança dos braços da mãe, o que segundo a polícia é mentira.

Nesses casos, o mais indicado é procurar a polícia para registrar um Boletim de Ocorrência. Como supostas vítimas não chegaram a delegacia de Coruripe e nem de Piaçabuçu para comunicarem tais fatos, a Polícia Civil desses dois municípios acredita que, na verdade, essas denúncias não passam de fake News, notícias falsas.
 

por Redação

Comentários comentar agora ❯

Whoops, looks like something went wrong.