06 Novembro 2018 - 08:49

Criança de quase 3 anos morre com sinais de agressão e padrasto é o principal suspeito

Rayssa Cavalcante
Caso aconteceu na noite desta segunda-feira, 5 de novembro

Um caso registrado em Rio Largo deixou muita gente entristecida. Isso porque uma criança de apenas 2 anos e 11 meses morreu depois que supostamente foi agredida na noite desta segunda-feira, 5 de novembro. O padrasto é o principal suspeito.

Segundo as informações divulgadas sobre o caso, a criança e Emerson David, de 29 anos, estavam sozinhos em casa quando tudo aconteceu. O homem chegou a levar o menino ao Hospital Ib Gatto Falcão, alegando que ele tinha caído.

Lá, a equipe médica constatou que a vítima, que já chegou sem vida, tinha sinais de violência. A polícia então foi acionada. Para os militares, a mãe do menino, grávida de 8 meses, contou que tinha saído para comprar leite e deixou a criança com o padrasto por apenas 10 minutos.

De acordo com as informações policiais, Emerson David já tem passagem pela polícia por homicídio. O conselheiro tutelar da região, Fábio Luiz, e a Delegacia de Homicídios acompanham o caso.
 

por Redação

Comentários comentar agora ❯

Whoops, looks like something went wrong.