29 Março 2017 - 15:57

Em entrevista, presidente da Cooperativa Pindorama fala sobre novidades para o ramo alimentício

Fellype Barreto - aquiacontece.com.br
Diretor-presidente da Cooperativa Pindorama, Klécio José dos Santos

O diretor-presidente da Cooperativa Pindorama, Klécio José dos Santos, concedeu entrevista ao Programa Lance Livre da Rádio Penedo FM (97,3 Mhz e www.penedofm.com.br) na manhã desta quarta-feira (29). Diversos assuntos foram abordados, entre eles, novidades no ramo alimentício.

No início de sua participação no programa que é líder em audiência na região do Baixo São Francisco, o presidente, que há 27 anos está à frente da Cooperativa, declarou que o foco e a liderança são as principais armas para que a Cooperativa esteja no mercado há 60 anos.

“A Pindorama é uma cooperativa comandada por pequenos produtores, onde todos os cooperados, além de fornecedores de matéria-prima, são donos do negócio e participam dos lucros. Ao longo desses anos, a liderança e a força do coletivo fazem da indústria uma das maiores redes de distribuição de renda no país” declarou Klécio José.

Sobre a safra, o presidente da Pindorama revelou que a produção cresceu em relação ao ano anterior e que apesar da crise em que o país vive, a expectativa para a próxima safra é ainda maior do que a de 2017. “No ano passado nós fomos a usina que mais plantou cana no Estado de Alagoas. O engajamento da Cooperativa com o pequeno produtor foi essencial para que isso se tornasse possível. A criatividade foi uma das soluções que buscamos para que a safra não fosse comprometida”.

Segundo Klécio, uma das novidades para este ano são os próximos produtos que serão lançados no mercado. “Dentro desses 30 dias vamos lançar o nosso óleo de coco extra virgem, que é um produto muito consumido hoje para quem precisa controlar problemas de saúde. Será lançado também o achocolatado a partir do leite de coco, sem glúten. O coco desidratado também é uma das novidades da Cooperativa Pindorama” disse o presidente.

Em relação a questão social, o presidente disse durante a entrevista que a Pindorama tem uma preocupação muito grande com a geração de renda. “Antes, todos os produtos usados pelos trabalhadores rurais e funcionários da Cooperativa chegavam de fora. Atualmente, com a confecção das peças no local, a renda gerada vai para a própria comunidade”.

Uma grande novidade e que está deixando muitas pessoas curiosas, segundo Klécio José, é a moeda própria, o Bertholet. “Nós criamos uma moeda e ela circula só na Cooperativa. O objetivo principal é fazer com que o dinheiro que circula na comunidade, permaneça nela e aqueça o comercio local".

Em uma de suas falas, o diretor da Cooperativa revelou que a luta em manter a unidade, que está em três municípios, Penedo, Coruripe e Feliz Deserto, tem sido constante. “Nossa luta para manter a cooperativa nesses anos tem sido muito forte. Nós temos contado muito com a compreensão e colaboração do nosso cooperado, que acredita no nosso trabalho".

por Redação

Comentários comentar agora ❯