28 Setembro 2020 - 16:33

Produtores rurais de Penedo e região são inseridos em Programa de Desenvolvimento Territorial

Reprodução
Nesse período de pandemia, reuniões virtuais têm sido realizadas para planejamento das ações.

Cerca de 90 produtores rurais dos municípios de Igreja Nova, Piaçabuçu, São Sebastião e Penedo foram inseridos no Programa de Desenvolvimento Territorial (Prodeter), ação que tem como objetivo principal, baixar o custo de produção do leite em 20%, em no máximo três anos.

De acordo com o agente de desenvolvimento, Reginaldo Rocha Gomes, que também é o coordenador do programa, o Prodeter conta com o apoio do Banco do Nordeste e da Superintendência Estadual de Alagoas.

“O programa é uma estratégia do Banco do Nordeste para contribuir com o desenvolvimento territorial e local por meio da organização, fortalecimento e elevação da competitividade das atividades econômicas da região”, explicou Reginaldo Gomes.

Ainda segundo o agente de desenvolvimento, foi elaborado um plano de ação territorial, onde a atividade rural da bovinocultura de leite foi priorizada, transformando produtores rurais em agentes econômicos atendidos pelo programa que conta ainda com o apoio das secretarias de agricultura dos municípios envolvidos, Sebrae, Senar, Emater, Codevasf, Cooperativa Pindorama, Coomarituba, Associações dos Municípios participantes, técnicos agrícolas e Penedo Consultoria Agrícola.

O programa tem ainda o objetivo de baixar o custo dos insumos (medicamentos, alimentação, aquisição de sêmens e embriões); aumentar a produção anual de leite, por vaca e por hectare; expandir os canais de comercialização da produção no território; implantar melhorias nas instalações físicas, máquinas e equipamentos utilizados na produção; suprir as necessidades de financiamento dos produtores envolvidos no programa; e promover o fortalecimento dos produtores, por meio da atuação em associações e cooperativas.

Para alcançar seus objetivos e conseguir melhorar a qualidade de vida da população regional, fortalecendo as cadeias produtivas das atividades priorizadas, incorporando inovações tecnológicas em atividades produtivas, potencializando a participação dos agentes econômicos locais no processo de desenvolvimento e promovendo o financiamento estruturado de atividades produtivas, o programa tem realizado diversas ações.

Nesse período de pandemia, ainda de acordo com o coordenador do programa, reuniões virtuais têm sido realizadas para planejamento das ações. 

por Redação

Comentários comentar agora ❯