30 Janeiro 2018 - 15:30

IMA flagra armazenamento irregular de carcaças de animais em suinocultura

Assessoria
Carcaças de animais usados para alimentar os porcos estavam sedo armazenadas em péssimas condições de higiene

Ossos e restos de animais foram flagrados sendo armazenado de forma irregular por um criadouro de suínos, em Maceió. O flagrante foi registrado na segunda-feira (29), durante ação do Instituto do Meio Ambiente do Estado de Alagoas (IMA/AL) e Batalhão de Polícia Ambiental (BPA), que apuravam denúncias na região.

Fiscais do órgão ambiental estiveram na suinocultura após reclamações de moradores da vizinhança sobre o forte odor advindo do estabelecimento. No local foi verificada uma grande quantidade de carcaças de animais utilizados na alimentação dos porcos armazenada em más condições de higiene.

Os proprietários do estabelecimento receberam multa no valor de R$ 50 mil pelo armazenamento irregular. Segundo os técnicos do IMA/AL, o criadouro já havia sido alvo de autuação do órgão por falta de licença ambiental, descumprimento de ordem de interdição e lançamento irregular de efluentes líquidos.

Durante ação houve ainda resistência por parte dos responsáveis, dificultando a ação da equipe, o que gerou outra autuação, no valor de R$ 12 mil. Além disso, os fiscais lavraram uma intimação solicitando a retirada e destinação adequada do material em decomposição.

por Assessoria

Comentários comentar agora ❯