03 Abril 2017 - 10:44

Arapiraca leva água a comunidades rurais para minimizar seca

“A melhor coisa é a gente ser atendido”, a afirmação é do agricultor Braz Bezerra da Silva, de 74 anos, morador da comunidade Itapicuru. Com o sorriso, ele recebeu a equipe da Secretaria de Agricultura, que levou a água solicitada por ele, para abastecer a sua cisterna.

Ele conta que a água é somente para o consumo humano, já que a sua comunidade, distante 10 km da zona urbana de Arapiraca, não conta com sistema de abastecimento da Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal). Por isso, afirma que na localidade, água somente dos carros-pipa ou da chuva.

A economia do agricultor, segundo ele, é de R$ 300, que seria o pagamento para abastecer o reservatório. Com esse valor, ele destina para outras finalidades de manutenção da casa, onde vivem sete pessoas, ou investe na sua plantação de mandioca e fumo.

Barragens transformam sonho em realidade

Além de ter água para irrigar a sua plantação de batata e inhame, José Ronaldo Santana, de 41 anos, sonha com um criatório de peixes e uma horta diversificada. O que ele não imaginava é que a realização do seu sonho poderia ser facilitada com o serviço da prefeitura, por meio da Secretaria de Agricultura, que também realiza e orienta na construção de barragens .

Técnicos da Secretaria da Agricultura explicam processo de construção da barragem para José Ronaldo

“Conversando com colegas, fiquei sabendo que a prefeitura mandava máquina para fazer barragem para a população rural. Eu fui procurar saber e já deixei o pedido. Mas eu pensava que fosse coisa demorada, mas não”, comentou o agricultor, que também comemorou a economia com o serviço fornecido.

por Ascom - Arapiraca

Comentários comentar agora ❯