31 Julho 2019 - 20:51

Visa Maceió e Anvisa promovem seminário sobre notificação de eventos

Cerca de 30 profissionais administradores de serviços de saúde de Maceió participaram, esta semana, do seminário virtual Webinar Anvisa, que abordou o tema “Cadastro de Instituições para notificar eventos adversos e queixas técnicas relacionados a produtos sob vigilância sanitária no Notivisa”. A iniciativa foi realizada em parceria com a Vigilância Sanitária de Maceió, que disponibilizou o local e o equipamento adequado para a participação dos interessados.

“A ideia foi de apresentar às instituições o passo a passo para que realizem o cadastro de acesso e o cadastro de usuários para notificar ou gerenciar eventos adversos ou queixas técnicas, além de atualizar e manter sempre em dia o próprio cadastro”, afirma a médica-veterinária Adriana Guimarães, inspetora da Visa que coordenou a atividade.

Webinar – O Webinar é uma ação da Gestão do Conhecimento da Anvisa e tem por objetivo fortalecer as iniciativas de transparência ativa da Agência, levando conteúdo e conhecimento atualizado ao público externo. O seminário virtual é o formato adotado para discussão dos temas técnicos da Anvisa, com a participação e interação em tempo real com seus usuários. A transmissão é via web e a interação com os participantes é feita por um chat disponível durante o seminário.

Eventos adversos – Entre os exemplos de eventos adversos passíveis de notificação junto ao Sistema Notivisa, podemos citar: Incidente / evento adverso durante procedimento cirúrgico; Queda do paciente; Reação adversa ao uso de medicamentos; e Reação transfusional decorrente de uma transfusão sanguínea, entre outros.

Já como exemplos de queixas técnicas que podem ser registradas no Notivisa, estão os produtos (exceto sangue e componentes) com suspeita de desvio de qualidade; com suspeita de estar sem registro; suspeito de falsificação; e a suspeita da empresa estar sem autorização de funcionamento.

É importante destacar que as notificações recebidas pelo Sistema Notivisa têm o objetivo de atender a três finalidades: subsidiar o Sistema Nacional de Vigilância Sanitária (SNVS) na identificação de reações adversas ou efeitos não desejados dos produtos; aperfeiçoar o conhecimento sobre os efeitos dos produtos e, se necessário, alterar recomendações sobre seu uso e cuidados; e promover ações de proteção à Saúde Pública por meio da regulação dos produtos comercializados no País.

por Secom - Maceió

Comentários comentar agora ❯