27 Outubro 2021 - 05:00

Ufal participa de lançamento da 2ª edição do Programa Centelha em Alagoas

Divulgação
Professor Pierre Barnabé Escodro,

O lançamento da segunda edição do Programa Centelha em Alagoas, ocorrida no último sábado (23), no Centro de Inovação de Jaraguá, trouxe boas chances para quem tem uma ideia inovadora e quer tirá-la do papel. A Universidade Federal de Alagoas esteve presente ao evento, representada pelo professor Pierre Barnabé Escodro, pesquisador e coordenador do Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT).

Ele representou o reitor Josealdo Tonholo na solenidade de abertura do evento e também participou da mesa sobre Academia e Inovação, ao lado do diretor presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal), professor Fábio Guedes Gomes, o presidente do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa, Odir Delagostin, e o superintendente da área de Pesquisa Aplicada e Desenvolvimento da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), Marcelo Camargo. O debate girou em torno da importância de se manter o elo entre a academia e a inovação, visando à promoção do desenvolvimento sustentável do Estado.

"É muito importante o Estado estar aberto e estimular o fomento à inovação e quanto a isso, a Universidade tem o papel fundamental tanto na formação de recursos humanos para essa área quanto para promover o desenvolvimento da inovação, tendo em vista às necessidades do mercado, da sociedade e do governo, atuando assim, na chamada quádrupla hélice", enfatizou Pierre Escodro.

Ideais inovadoras

Nesta edição do Centelha, poderão ser apoiadas até 60 ideias inovadoras, com potencial para se tornarem empreendimentos de sucesso. O orçamento para o edital engloba R$2 milhões do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações –concedidos por meio da Finep– e R$666 mil do Governo de Alagoas, por meio da Fapeal. Também está em negociação o aporte de mais meio milhão de reais por parte da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene).

O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Alagoas (Sebrae-AL) é coexecutor do Programa no Estado. O Instituto Euvaldo Lodi Alagoas (IEL-AL) e a Federação das Indústrias do Estado de Alagoas (Fiea) são os intervenientes locais.

As inscrições vão até o dia 15 de dezembro deste ano. O Programa acontecerá em cinco etapas e serão selecionadas 60 ideias inovadoras que receberão mais de R$50 mil reais para serem aplicados em seu desenvolvimento.

por Alcilene Vieira – colaboradora com Ascom Fapeal

Comentários comentar agora ❯