26 Agosto 2009 - 22:07

Projeto da Ufal é apresentado na SMS

O resultado de uma pesquisa realizada pela Faculdade de Nutrição da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) sobre o perfil dos hipertensos e diabéticos do município de Maceió foi apresentado, na manhã desta terça-feira (25), no auditório da sede da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), no Centro.

A iniciativa surgiu em 2007, por meio do Projeto de Pesquisa para o Sistema Único de Saúde (PPSUS), programa do governo federal, em parceria com as universidades e os governos municipais, no qual é incentivada a pesquisa acadêmica como forma de auxiliar os gestores na melhor qualidade de atendimento e administração, na área da saúde.

Intitulado “Hábitos alimentares, ingestão de nutrientes e consumo de alimentos relacionados à proteção e risco cardiovascular em uma população hipertensa do município de Maceió-AL”, o trabalho contou com a orientação da professora doutora Sandra Mary Vasconcelos e uma equipe de 20 alunos.

A linha de pesquisa contou com a participação da SMS, por intermédio do Programa de Hipertensos e Diabéticos (Hiperdia), no qual houve uma avaliação dos usuários cadastrados em relação a seus hábitos alimentares e os riscos que podem causar em seus tratamentos.

Para o secretário municipal de Saúde, Francisco Lins, a parceria com a academia deve ser algo frequente. “As faculdades e universidades oferecem o suporte de dados, através das pesquisas, e nós o suporte técnico para elaborar as ações de trabalho”, explicou.

A apresentação contou com a participação dos alunos, onde foi explorado o perfil dos distritos sanitários, os valores nutricionais dos pacientes e sugestões da alimentação auxiliar no tratamento da hipertensão e da diabetes.

A professora Sandra Mary destacou a parceria com a SMS. “Tivemos todo suporte técnico necessário, as unidades de saúde foram acolhedoras com nossos alunos, tudo para o beneficio dos maceioenses”, afirmou.

No final da apresentação, o diretor de Vigilância em Saúde, Herbert Charles Silva, explicou a nova etapa deste processo. “As áreas técnicas da SMS precisam se reunir e com a assessoria da pesquisa realizada, traçar metas e estratégias de ações para os usuários”, informou.

A pesquisa já foi apresentada nos congressos da Sociedade Brasileira de Nutrição e da Sociedade Latino-Americana de Nutrição.

por SMS

Comentários comentar agora ❯