24 Outubro 2020 - 20:36

Prefeitura promove leilão de bens móveis, veículos recuperáveis e sucatas

Mais de 100 bens móveis, veículos recuperáveis e sucatas devem ser leiloados pela Prefeitura de Maceió através da Secretaria Municipal de Gestão (Semge). O leilão será realizado no dia 6 de novembro, a partir das 10h, na Agência de Leilões Freire, no bairro Tabuleiro do Pinto em Rio Largo, e também pelo endereço eletrônico www.leiloesfreire.com.br, nas modalidades presenciais e on-line, simultaneamente.


Sede da Semge
Pessoas físicas portadoras de CPF e pessoas jurídicas habilitadas podem participar. Todos serão previamente cadastrados na recepção de acesso com nome completo, documento de identidade, CPF, endereço, e, quando for o caso, procuração do representante legal da Pessoa Jurídica ou do licitante (Pessoa Física). Portanto, é importante ter os documentos em mãos. É proibida a participação de menores de 18 anos.

Todas as medidas de prevenção ao novo coronavírus serão seguidas, como a distribuição de álcool em gel, medição de temperatura e uso obrigatório de máscaras faciais. Os interessados terão três dias, em horários e locais diferentes para visitar os veículos e demais lotes pessoalmente e mediante agendamento por meio do telefone 3223-5212.

As visitações podem ser feitas nos dias 3, 4 e 5 de novembro de 2020, das 08h às 12h e das 14h às 17h, no Pátio do Leiloeiro, em Rio Largo, na Agência Leilões Freire, no bairro da Gruta de Lourdes, ou no Pátio da Superintendência Municipal de Iluminação de Maceió (Sima), no bairro do Bebedouro. É permitida, exclusivamente, a avaliação visual dos lotes em seus locais de exposição, sendo proibidos quaisquer outros procedimentos como manuseio, experimentação e retirada de peças.

Serão leiloados móveis e veículos pertencentes ao acervo público do Município de Maceió, avaliados como sem utilidade para o serviço público, e também bens móveis objetos de apreensões. Os bens serão ofertados e vendidos no estado de conservação e nas condições em que se encontram sem abatimento nos preços.

O arrematante deverá realizar, no momento do leilão, o pagamento de caução, isto é, o valor correspondente de 20% do total da arrematação em dinheiro ou cheque nominal. Os 80% restantes deverão ser pagos à vista e em dinheiro por meio de Documento de Arrecadação Municipal (DAM), em qualquer agente arrecadador credenciado na rede bancária.

A falta de pagamento do valor da arrematação incidirá em multa e suspensão temporária de participação em licitação e impedimento de contratar a Administração Pública por até dois anos. Qualquer licitante poderá apresentar recursos ao Leiloeiro no prazo de cinco dias úteis, a contar da intimação do ato.

Lances por meio eletrônico (on-line) serão aceitos, desde que venham com os dados cadastrais do ofertante (Nome da Pessoa Física ou Jurídica, CPF/CNPJ, endereço, telefone e o lote ao qual se refere o valor da oferta).

Para mais informações, os interessados podem entrar em contato com o Leiloeiro Oficial, Alexandre Almeida de Souza e Silva, pelos telefones (82) 3223-5212 e (82) 98112-7252por pelos e-mails [email protected] ou [email protected]

por Agência Brasil

Comentários comentar agora ❯