17 Abril 2009 - 11:18

Alagoas deixa zona de risco da aftosa

O ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes, fez questão de abraçar o governador Teotonio Vilela, nesta quinta-feira, em Brasília, em função do trabalho desenvolvido pelo governo do Estado no combate à aftosa. Na quarta-feira, o Estado deixou de fazer parte da zona de risco desconhecido, passando à condição de zona de risco médio.

Com isso, o gado alagoano vai poder transitar pelos estados considerados livres de aftosa. O ministro disse que espera que as coisas continuem dessa forma, e que, no próximo ano, o ministério libere efetivamente o estado de Alagoas da febre aftosa com vacinação. De acordo com Stephanes, o resultado obtido por Alagoas deve ser aplaudido por todos. Ele disse que espera que, até o fim de 2010, todo o Nordeste, parte do Amazonas e do Pará estejam livres de febre aftosa com vacinação.

por Rafael Medeiros com assessoria

Comentários comentar agora ❯