28 Abril 2010 - 08:48

Pela Libertadores, São Paulo enfrentará o Universitário, em Lima

GE
Rogério Ceni atingirá marca inédita de 900 jogos

O São Paulo dará continuidade na noite de hoje, às 19h30m, em Lima, diante do Universitário, ao sonho de conquistar o tetra campeonato da Taça Libertadores. De um lado são três títulos da Libertadores no currículo. Do outro, um vice-campeonato na longínqua edição de 1972.

No time tricolor paulista, do presidente Juvenal Juvêncio ao faxineiro do CT da Barra Funda, todos  sabem que ser eliminado pelo Universitário nas oitavas de final seria um verdadeiro vexame. "A responsabilidade é toda do São Paulo. Não é maior, é nossa. O favoritismo é nosso e não vamos fugir", afirmou o técnico Ricardo Gomes.

O time peruano pouco fez até aqui nesta Libertadores. O Universitário venceu os dois primeiros jogos e depois empatou os últimos quatro, sendo que três foram por 0 a 0. Assim, se classificou como o segundo pior entre os segundos colocados da fase de grupos, com 10 pontos. Sem dúvida, mais um indício do favoritismo são-paulino.

O destaque tricolor é a volta do atacante Washington ao time titular - ele entra no lugar de Fernandinho. Enquanto isso, o goleiro Rogério Ceni completa nesta quarta-feira a marca inédita de 900 jogos com a camisa do São Paulo. E espera comemorar com uma vitória que deixe a classificação bem encaminhada para a partida de volta, no Morumbi.

por Robson Lessa

Comentários comentar agora ❯