21 Fevereiro 2011 - 00:01

Mesmo com boa atuação e gol de Rogério (ex-Penedense), Petrolina perde para o Sport

JC Imagem
Rogério (ao fundo) esteve bem, mas o Sport fez o dever de casa

O Sport conseguiu a sua vitória mais tranquila no Campeonato Pernambucano de 2011, ao vencer o Petrolina por 3 x1. os gols do Leão foram marcados por Germano, Wellington Saci e Thiaquinho, enquanto que o ex-Penedense Rogério, descontou para a equipe interiorana.

Por falar em Rogério, o atacante importunou por divesas vezes o sistema defensivo do Sport, merecendo sempre uma atenção especial ao longo de toda a partida.

O jogo

Jogando na Ilha do Retiro, o Sport iniciou a partida com total controle do jogo. Várias jogadas eram criadas, mas as finalizações não eram bem concluídas. Depois de ter perdido várias chances de abrir o placar, a equipe rubro-negra consegue abrir o marcador quando, aos 18 minutos, Germano marca o primeiro e mais belo tento da partida. O volante recebeu bola de Wellington Saci na entrada da grande área e cruzou a bola por cima do goleiro Dias.

A partir daí, entretanto, o time da casa relaxou e deu mais chances de contra-ataques para o Petrolina. na ânsia de adiantar a bola, a zaga rubro-negra cometeu erros sérios, que terminaram ameaçando a defesa. Como na jogada que aconteceu aos 30 minutos, quando Igor tentou driblar o adversário, mas acabou perdendo a bola na lateral, deixando o Petrolina contra-ataque.

E foi justamente num desses contra-ataques que a equipe sertaneja aproveitou para empatar o jogo. Aos 39 minutos, numa confusão entre Magrão e os zagueiros rubro-negros o atacante Rogério aproveitou a hesitação do goleiro rubro-negro, recuperou a bola e mandou para as redes, fazendo o placar acabar o primeiro tempo em 1x1.

Para a etapa complementar, nenhuma mudança de jogador, mas o Sport volta com mais atitude. Já aos 8 minutos, pênalti para o time do Sport. Tentando segurar carlinhos Bala que avançava na grande área, Lau virou o corpo, mas deixou o braço, o que resultou na penalidade. Quem vai para a cobrança é Saci que marca o segundo gol do Leão.

Já o terceiro gol veio aos 25 minutos, fruto de uma bela jogada lateral de Thiaguinho, que agora passa a ser artilheiro rubro-negro. No restante da partida, o Sport continuou indo para cima do Petrolina. Ciro entrou no lugar de Bruno Mineiro, que não fez boa partida, e se mostrou ansioso para marcar o seu primeiro gol no Campeonato. Aos 41, Thiaguinho chega perto do gol, mas prefere dar o passe para Ciro que não chega a tempo de aproveitar a excelente bola.

Pelo Sport, Dutra e Wellington Saci fizeram boa partida, trazendo mais velocidade para o jogo e trabalhando melhor a bola. Já por parte do Petrolina, Rogério foi bem não apenas pelo gol, mas por ter desenvolvido algumas jogadas individuais. Aduba também se destacou.

Com o tropeço do Porto, o Sport chega mais perto do G4, agora com 21 pontos, contra os 23 do time caruaruense. O líder do campeonato, o Santa Cruz, tem 28 pontos.

FICHA DO JOGO

Sport: Magrão; Thiaguinho, Igor, Alex Bruno e Dutra (Fabrício); Tobi, Hamilton, Germano e Wellington Saci; Carlinhos Bala (Pablo Pereira) e Bruno Mineiro (Ciro). Técnico: Hélio dos Anjos.

Petrolina: Dias; Thiaguinho (Everton), Lau, Jefferson e Pedrinho (Iarleis); Abuda, Fábio, Bruno Maranhão (Jackson) e Alemão; Rogério e Luís Paulo. Técnico: Neco.

Local: Ilha do Retiro, Recife.

Cartões amarelos: Fábio (P), Dias (P), Lau (P), Alemão (P), Wellington Saci (S).

Gols: Germano (Sport - 18" do 1T), Rogério (Petrolina - 39" do 1T), Wellington Saci (Sport - 8" do 2T) e Thiaguinho (Sport - 26" do 2T).

Árbitro: Ricardo Tavares. Assistentes: Erich Bandeira e Ubirajara Ferraz.

Público: 15.809.

Renda: R$ 81.060.

por Robson Lessa com informações jconline.com.br

Comentários comentar agora ❯