12 Agosto 2020 - 23:36

Diante do Goiás, Athletico-PR vence mais uma no Brasileirão 2020

Robson Mafra/AGIF
Furacão derrotou a equipe goiana por 2 a 1, na Arena da Baixada

Mais três pontos! Na noite desta quarta-feira (12), o Athletico Paranaense venceu o Goiás por 2 a 1, na Arena da Baixada, e garantiu mais um triunfo no Brasileirão Assaí 2020. O jogo foi válido pela segunda rodada da competição.

Com o resultado, o Furacão agora soma seis pontos na tabela de classificação e figura entre os primeiros colocados. O Esmeraldino, que fez sua estreia nesta noite, segue sem pontuar.

O jogo

Jogando em casa, o Athletico dominou as ações diante do Goiás e criou as melhores chances do primeiro tempo. Aos 16 minutos, Vitinho fez boa jogada e finalizou da entrada da área para a defesa de Marcelo Rangel. Com boa atuação individual, o atacante seguiu buscando o gol até que, aos 31, balançou as redes. Após receber pela esquerda, Vitinho ajeitou a bola para o pé direito e chutou com categoria para marcar um belo gol na Arena da Baixada: 1 a 0. Para tentar responder, Thalles finalizou de fora da área logo na sequência, mas Santos fez a defesa. O Furacão seguiu ofensivo e ainda ficou perto de ampliar com Marquinhos Gabriel, parado no goleiro esmeraldino, e com Vitinho, que cabeceou a bola na trave aos 47 minutos.

Quando a etapa inicial parecia se encaminhar com vantagem para o time da casa, a equipe goiana deixou tudo igual em Curitiba. O árbitro assinalou toque de mão de Thiago Heleno em cobrança de falta e marcou o pênalti. Daniel Bessa cobrou no canto esquerdo de Santos e empatou o jogo: 1 a 1.

O equilíbrio foi maior no segundo tempo, com as duas equipes buscando o gol. Após algumas chances, o Athletico ampliou aos 30 minutos, com Carlos Eduardo. Nikão cruzou fechado, Marcelo Rangel não saiu bem, e Vitinho evitou a saída de bola, deixando o atacante com o gol livre para fazer 2 a 1. Um pouco depois, aos 33, Heron cruzou para Victor Andrade, que finalizou dentro da área e tirou tinta da trave de Santos. Os minutos finais ficaram ainda mais movimentados, com o Furacão quase ampliando com Léo Cittadini e Nikão, e com o Esmeraldino tendo chances de empatar com Victor Andrade. Apesar das boas investidas, o placar não foi mais alterado.

por CBF

Comentários comentar agora ❯