13 Agosto 2010 - 10:40

Capoeiristas alagoanos precisam de ajuda para participar de campeonato brasileiro

Divulgação

A Capoeira é mais que uma dança ou um esporte, é uma manifestação cultural que vem tirando jovens da marginalidade em todo o Brasil e no mundo. Mas apesar dos benefícios, seus praticantes continuam passando por dificuldades. Três atletas de Capoeira, talentos do esporte alagoano, estão vivendo uma angústia nos últimos dias. Após várias competições e eliminatórias e por fim no campeonato norte/nordeste realizado no Piauí em junho passado, classificaram-se para o Campeonato Brasileiro que acontecerá entre 17 a 22 de agosto, no Rio de Janeiro, que além da competição em si, haverá cursos, palestras, jogos e formaturas.

Todos os estados brasileiros confirmaram presença, com exceção de Alagoas, por causa do problema da falta de recursos para as passagens de ida e volta, de ônibus dos atletas. “O que precisamos é de três passagens ou o dinheiro equivalente, cerca de R$ 900,00 (novecentos reais), porque a hospedagem e a alimentação a organização do campeonato nos dará”, explica Paulo André , mais conhecido por Morcego Preto, que disputará na categoria Master e que se dedica à Capoeira há 25 anos, sendo um dos mais experientes em Alagoas e vem desenvolvendo trabalhos na área social junto ao esporte na comunidade da zona sul de Maceió, que engloba crianças e jovens de bairros do Vergel, Trapiche, Ponta Grossa, Pontal etc...

Paulo André dá aulas gratuitamente às crianças no Núcleo Cultural da Zona Sul, localizado na Rua Cabo Reis, na Ponta Grossa o que já levou vários jovens a disputar campeonatos regionais, nacionais e mundiais.

Segundo os atletas, uma das maiores dificuldades este ano tem sido a campanha eleitoral, pois nos anos anteriores era possível que os órgãos públicos e políticos ajudassem, só que com receio de infrigirem a lei eleitoral, tal ajuda ao esporte não se tornou possível neste ano.
 

Os atletas são:

Paulo André (Morcego Preto) – Categoria Master
Moisés Silva dos Santos (Limão) – Categoria Instrutor
Marvem Vieira (Faísca) – Categoria Graduado
O grupo tem de viajar até o próximo sábado, dia 14, para estar no Rio até a abertura do campeonato no dia 17. Quem puder ajudar, deve entrar em contato pelo telefone: (82) 8805-7070.



 

por Assessoria

Comentários comentar agora ❯