19 Março 2018 - 15:30

Utilização do plasma permite qualidade a diferentes setores industriais

Diferente do que a maioria das pessoas pensam, o plasma não é utilizado somente na produção de televisores de alta definição. Atualmente uma gama enorme de setores industriais utilizam este componente físico. As aplicações do plasma são diversas e permitem obter melhores resultados, em termos de precisão e custo-benefício, em substituição às ferramentas e processos tradicionais.

Considerado pelos cientistas como um quarto estado físico da matéria, o plasma é capaz de conduzir grandes quantidades de energia, por isso, é utilizado em diversos processos que necessitam de precisão para o seu bom desenvolvimento. Um exemplo bem próximo da nossa realidade que demonstra a versatilidade desse componente químico são as lâmpadas fluorescentes, que possuem plasma no interior.

Outro exemplo são os televisores de plasma, que são compostos por minúsculas lâmpadas fluorescentes, com espessura de um fio de cabelo. O plasma também já se encontra presente em outras diversas áreas, como: tratamentos odontológicos, no qual a perfuração via plasma substitui o uso da broca, que acarreta processos dolorosos para os pacientes; na higienização de mãos e esterilização de objetos; e na reciclagem de alumínio.

O que chama mais atenção nas aplicações do plasma é que, apesar de se tratarem de processos que envolvem um elevado grau de tecnologia, os custos são relativamente menores em comparação a métodos e processos mais antigos e tradicionais nestes mercados.

Aplicações industriais do eletrodo plasma

O plasma é utilizado pelas indústrias de vários países desde o final da Segunda Guerra Mundial. Este componente físico é especialmente aplicado na realização de cortes precisos de metais através de aparelhos conhecidos como eletrodo plasma, sendo uma das aplicabilidades mais úteis dentro dos meios de produção atual.

O eletrodo plasma permite a realização de cortes muito mais precisos em diferentes tipos de peças, formatos e tamanhos. A utilização na indústria é muito comum por conta da grande potência, a qual tem origem em função dos altos níveis de ionização.

Capaz de produzir diferentes peças para a indústria graças a sua versatilidade, a exemplo das juntas para a soldagem, equipamentos como a máquina de corte a plasma, produzida e vendida pela Megaplasma, permitem que o trabalho seja executado de forma mais fácil e também traz benefícios para os funcionários, já que, as cargas de trabalho dos operários será reduzida e eles também ficarão livres de danos perigosos.

São avanços tecnológicos como esse que trazem benefícios para todo o mercado, já que, barateiam os custos de produção de grandes empresas e consequentemente os preços finais ao consumidor; trazem condições mais seguras de trabalho para os funcionários; e, ao mesmo tempo, fomentam o desenvolvimento da inovação empresarial.
 

Comentários comentar agora ❯