03 Julho 2009 - 11:41

Sudão: Onde a Aids é uma bomba-relógio

Especialistas estimam que a taxa de incidência da doença no país africano esteja se aproximando de 3%. No Egito, ela é de apenas 0,1%.

De acordo com a OMS, qualquer taxa de infecção acima de 1% é considerada uma epidemia. Por enquanto, o Sudão tem uma taxa de infecção mais baixa do que vários outros países da África Subsaariana, mas devido ao seu alto índice de doenças sexualmente transmissíveis, a disseminação do vírus HIV no país pode ficar fora do controle de uma hora para outra.

O que mais contribui para a propagação do vírus HIV no país é a ignorância da população. O governo sudanês, no entanto, prefere gastar mais de 70% do seu orçamento com o exército, em vez de investir no controle da doença.

A matéria completa você poderá ler no link abaixo:

http://www.economist.com/world/mideast-africa/displaystory.cfm?story_id=13964235

por Economist

Comentários comentar agora ❯