17 Novembro 2009 - 16:42

Promotores firmam acordo para melhorar a segurança na Barra de São Miguel

MPE-AL

Os promotores de Justiça Magno Alexandre Moura e Rita Stecconi promoveram uma audiência, onde a sociedade em geral foi convocada, sobre Segurança Pública na Barra de São Miguel. Na ocasião, foram discutidos vários assuntos sobre drogas, poluição sonora, ausência da Polícia Ambiental, e o uso indevido de quadriciclos e veículos automotores na faixa litorânea.

Durante a reunião foram assumidos vários compromissos, tanto por parte do coronel Túlio Roberto, do 8° Batalhão da Polícia Militar, como do prefeito Reginaldo Andrade e do delegado da Polícia Civil, Cícero Rocha.

Túlio Roberto se comprometeu a comunicar ao Comando do Batalhão Ambiental para fazer diligências a fim de reprimir e prevenir crimes ambientais na região, e o combate a poluição sonora através do disque denúncia 2001-2000 ou 190, bem como o aumento do policiamento ostensivo na cidade.

Já o prefeito da cidade deve tomar algumas medidas em favor da segurança, como fazer um Projeto de Lei para criar o Conselho Municipal de Segurança e uma Lei que proíba o uso de veículos na faixa litorânea, além de providenciar a aquisição de um decibelímetro, para uso da PM, no combate a poluição sonora.

E, por fim, coube ao delegado Cícero Rocha manter pelo menos três policiais na delegacia local, e cobrar do delegado-geral, Marcílio Barenco, a transferência de um escrivão para o município. Ficou definido também que as rondas devem ser feitas, em conjunto ou separadamente com a PM.

O Ministério Público Estadual se comprometeu a fazer injunções junto ao governo do Estado para a realização de um concurso público na área de segurança pública, tanto na Polícia Civil e Militar, e se for o caso propor uma Ação Civil Pública.
 

por MPE-AL

Comentários comentar agora ❯