A- A+
Enviar Imprimir
 
INFORME PUBLICITÁRIO
05/01/2017 08:34

Facilita Alagoas emite mais de 27 mil documentos de licenciamento em 2016

O Portal Facilita Alagoas emitiu, em 2016, 27.414 documentos de licenciamento, entre alvarás, licenças, inscrições e certificados de dispensas. Ferramenta responsável pelos processos de abertura, alteração e baixa de empresas, o portal também disponibiliza serviços de órgãos de administração tributária e de licenciamento, garantindo a legalização do negócio.

O sistema é a interface da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim) em Alagoas, funcionando como porta única de entrada para que o empresário possa registrar a sua empresa e, posteriormente, legalizar o negócio.

Administrado pela Junta Comercial do Estado de Alagoas (Juceal), o Facilita Alagoas conta com a integração das 102 prefeituras, da Receita Federal, da Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz/AL), do Corpo de Bombeiros, da Vigilância Sanitária, do Instituto do Meio do Ambiente (IMA) e da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh).

Em 2016, o Portal Facilita Alagoas emitiu 4.664 alvarás de funcionamento provisório, 4.814 alvarás de localização, 2.992 alvarás sanitários, 233 autos de conformidade, 1.489 inscrições estaduais e 12.960 inscrições municipais. Além disso, o sistema gerou 282 certificados de dispensa de licenciamento perante o IMA ou o Corpo de Bombeiros.

Para o presidente da Juceal, Carlos Araújo, como entidade responsável pela administração da Redesim no estado, a Junta Comercial transpassou o objetivo de apenas realizar o registro do negócio, passando a pensar também em formas de simplificar a legalização empresarial.

“Segundo a Receita Federal, hoje somos referência em relação à implantação da Redesim, porém temos que pensar além. A Junta Comercial deixou de ser apenas um mero órgão de registro para se tornar um integrador estadual, dando ênfase a um cadastro único formado. Não há uma empresa aberta em Alagoas que a prefeitura do município e os órgãos não tenham essa informação!”, ressaltou Araújo.

Ainda de acordo com o gestor, a ampliação dos serviços dos órgãos integrados e a adição de novas entidades a fim de facilitar o trabalho do empresário são objetivos para desenvolvimento da Redesim em 2017.

“Alguns órgãos ainda não emitem todos os tipos de licenças pelo portal, outros apresentam alguns tipos de entraves, como a legislação. Nós temos noção disso e temos trabalhado, juntamente ao Sebrae/AL, um grande parceiro nosso, para simplificar ainda mais a legalização empresarial em Alagoas. Além disso, estamos em contato para que a Adeal e a OAB/AL também possam ter serviços no Facilita Alagoas”, concluiu.

Mesmo com mais de 27 mil documentos emitidos, a gerência da Juceal ressalta que muitas licenças e alvarás estão travados no portal aguardando solicitação dos empresários e, a fim de evitar problemas futuros com os órgãos licenciadores, devem ter seus pedidos feitos no Facilita Alagoas.

por Agência Alagoas

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do aquiacontece.com.br ou de seus colaboradores. Dê sua opinião com responsabilidade! Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

comentários

Nenhum comentário ainda

 
 
 
  • Cadastre-se para receber novidades do Aqui Acontece
  • carta
  • cadastrar
 
Avenida Antonio Candido Toledo Cabral, 149
Dom Constantino Penedo - AL
Fone: (82) 3551 5091
contato@aquiacontece.com.br