A- A+
Enviar Imprimir
 
INFORME PUBLICITÁRIO
11/09/2012 17:28

Acadêmicos de Direito da Uneal vão assistir ao julgamento do mensalão no STF, em Brasília

Divulgação

Grupo acompanhará, durante três dias, atividades dos Poderes na capital federal

Na madrugada desta quarta-feira (12), um grupo de 25 estudantes do terceiro período do curso de Direito da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal) embarca para Brasília. Eles levam a expectativa de conhecer a rotina de trabalhos dos poderes Legislativo, Executivo e Judiciário, em Brasília.

A viagem, planejada desde maio deste ano, coincide com o julgamento do “mensalão”, considerado um marco na história política do país. Segundo o professor Jádney Aragão, a ideia de ir à capital federal surgiu a partir dos estudos dos tópicos da disciplina Teoria Geral da Constituição, entre os quais está o funcionamento do Supremo Tribunal Federal. “Queria que os estudantes testemunhassem o STF em ação”, explicou Jádney.

A viagem vai até a sexta-feira (14), e inclui visitas aos gabinetes dos parlamentares alagoanos na ida ao Congresso Nacional. “Lá, os estudantes irão aproveitar para tirar dúvidas sobre os trabalhos desenvolvidos, verificando in loco como funcionam os Poderes constituídos. ‘Eles vão mergulhar nos Poderes onde, possivelmente, será a área de trabalho deles”, disse o professor.

Para o coordenador do curso de Direito, professor Júlio Gomes, esta será uma experiência marcante para os acadêmicos que irão testemunhar um julgamento histórico para a sociedade brasileira. “Além de poderem confrontar com a prática do tribunal os conhecimentos doutrinários teóricos adquiridos na sala de aula, o contato com outro universo cultural é de extrema importância na formação acadêmica deles”, afirmou.

A Reitoria da Uneal providenciou o transporte para levar e buscar o grupo de Arapiraca ao aeroporto, em Maceió, além de parte do translado em Brasília.

por Agência Alagoas

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do aquiacontece.com.br ou de seus colaboradores. Dê sua opinião com responsabilidade! Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

comentários

Nenhum comentário ainda